Os opostos de Amsterdam

Meu segundo dia em Amsterdam começou com muita preguiça!! Acordei tarde, tomei café… Ahhhh e que café!!! De longe o melhor da viagem até o momento… Muitas opções de coisas pra comer.. Pães, queijos, presunto, torradas…  Suco, leite, cereais e claro: Nutella a vontade. E esse café já era incluso na hospedagem. Show de bola!!!

Bom, como eu tava com preguiça de sair e já não tinha mais roupa, decidi lavar minha roupa no hostel. Catei tudo e me mandei pra lavandeira. Serio, eu li até tutorial ates da viagem pra aprender a usar aquelas maquinas, mas caraaaa.. Eu tava levando um banho da maquina de lavar. Isso que tinha as instruções até em espanhol coladas na parede. Mas não tinha nada que me ajudace a ligar a maldita maquina de lavar.

Lavando roupa em Amsterdam

O estranho era que na instrução falava pra inserir a moeda na maquina, mas não dizia o valor… Eu tentei colocar a mais alta, de dois euros, mas ela cuspia a moeda. Bom… Não tinha ninguém ali.. Vou descer e perguntar. Eis que a resposta surge na porta. Uma cara do hostel entra e finalmente descubro o problema. Eu tava fazendo tudo certo, mas a moeda em questão era o problema. Eu tinha que comprar uma ficha pra maquina, lá na recepção. Affff.. Só faltou isso nas instruções. Fui radinho na recepção comprar a ficha e voltei para lavar a roupa. Cara, muito legal lavar roupa!!! Fiquei muito feliz em cumprir essa missão com sucesso. E depois de lavar tem a maquina de secar!! A roupa sai até esticadinha… Parece que foi passada. Muito legal!!!

Tá.. Arrumei tudo e me manei pro Heineken Experience. Menos de 10 minutos pra chegar lá andando. Cara, muito show aquele lugar. Vale muito a pena ir!!!! Você aprende sobre a fabricação da Heineken, prova ela em um estagio antes de estar finalizada. Tem varias coisas interativas e também um cinema 4D onde você se vê no lugar da cerveja, desde o momento da fabricação até chegar no bar. Muito show!!!! No final você bebe Heineken, claro!!! O sabor é diferente pois a que bebemos lá ficou pronta dois dias antes. É mais suave, mais gostosa. Eu comprei uma garrafa com meu nome por 5 euros.

Heineken Experience
Heineken Experience

Bom, depois de almoçar eu fui no Museu de Anne Frank. Vale muito a pena!!!!!! Mas é triste. Você vê onde eles estavam escondidos, você anda na casa e fica imaginando o que eles passaram. Principalmente ela, uma criança. E tem as frases que ela escreveu no diário, muito tocante mesmo. Ehh.. Amsterdam tem muitos lados… Tem a sacanagem, tem a história, tem os museus, os canais, as cervejas e claro… as bicicletas. Quem não levar muitas buzinadas e quase for atropelado por uma bike, não foi pra Amsterdam.

Amsterdam
Amstedam

Mais uma volta pela cidade. Mais tarde voltei pro hostel pra descansar e ir pro Red Light District, a noite dessa vez. Encontrei o brasileiro do meu quarto e um outro brasileiro que estava com ele. Fomos os 3 pra Red Light. Todos muito de cara com a qualidade do produto, quer dizer, a beleza das mulheres nas vitrines. Então…. Depois de um tempo… Depois de jantar em um restaurante argentino que tinha um gerente brasileiro, voltei pro hostel pois no dia seguinte eu ia cedo pra uma vila perto de Amsterdam. Mais um dia eu terminei capotando na cama…

Melhor Seguro Viagem InternacionalAluguel de Carros: Reserve agora!Booking.com

About The Author

Robson Franzói é um jovem de Curitiba que tenta inspirar outros viajantes a explorarem diferentes lugares do mundo. Decidiu correr atrás dos seus sonhos e hoje vive desse blog, seu projeto mais especial. Apaixonado por fotografia e vídeos, o garoto vive para compartilhar suas experiências e dicas dos lugares que conhece. Suas fotos já estão ficando conhecidas e seus vídeos inspiram muitos viajantes. Aproveite e acompanhe o Instagram e também o Canal Um Viajante.

Related posts

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *