Meu primeiro dia em Nova York e minhas impressões sobre a cidade

Nova York, a cidade que nunca dorme… a cidade onde tudo acontece…. a cidade de todas as tribos. Nova York dos filmes, dos seriados… a capital do mundo e, hoje, uma das minhas cidades favoritas.

Minha primeira viagem para Nova York foi no final do ano passado, começando em uma sexta-feira – para ser mais preciso: a Black Friday de 2015.

Meu vôo, com a United Airlines, foi super tranquilo e sem atrasos. Pousei antes do nascer do sol no aeroporto de Newark, em New Jersey. Lá do alto, ao olhar pela janela do avião, instantes antes de pousar, tive uma vista incrível de Nova York. Os prédios brilhavam como as árvores brilham no natal…. Mesmo de longe eu consegui reconhecer o imponente Empire State Building e o belíssimo One World Trade Center finalmente sorri para mim mesmo e me dei conta de que estava prestes a realizar mais um sonho.

O processo da imigração foi bem rápido e, logo depois de pegar as malas, fui em busca do transfer que estava me esperando.

A empresa que fez o transfer do aeroporto até o hotel foi a U.S. Travel, que ofereceu um serviço excelente! Super recomendo e ainda vou falar mais sobre eles!

A caminho do hotel, logo que entramos em Nova York, o motorista colocou para tocar a música New York, New York  e sim, parece clichê, mas chegar na cidade ao som de Frank Sinatra foi quase uma cena de filme.

Ainda era bem cedo e a cidade que nunca dorme estava tranquila, quase que irreconhecível.

Manhã em Nova York, primeiro dia

Talvez por conta do Feriado de Ação de Graças, que rolou no dia anterior, ou pelas compras da madrugada, que são o ponto alto do Black Fridaynão sei ao certo… mas a cidade parecia despertar com preguiça.

Manhã em Nova York, primeiro dia

Pela janela do carro eu mal conseguia acreditar que estava ali. Eu olhava para as ruas já decoradas para o Natal, para os prédios altíssimos, para os famosos taxis amarelos e até para os bueiros que soltam vapor… Tudo era extremamente familiar, como se eu estivesse realmente entrando em um cenário de filme.

Manhã em Nova York, primeiro dia

Falando nisso, o hotel que me recebeu em Nova York, o The Roosevelt Hotel, já foi cenário de vários filmes. Simplesmente amei a minha estadia por lá e posso recomendar o hotel tranquilamente – em breve vou fazer um post com todos os detalhes.

The Roosevelt Hotel, Nova York

Logo depois de deixar as malas na quarto, tomar um bom banho e me agasalhar, corri pra fora do hotel – não via a hora de começar a bater pela cidade.

A empolgação em sair foi tanta que nem lembrei de pegar um mapa ou pedir alguma informação – até porque eu nem tinha algo em mente para aquele horário.

Decidi andar sem rumo e ver o que eu descobriria na cidade – isso é, sem dúvida alguma, uma das coisas que você tem que fazer em Nova York. Andar… e andar muito! Simplesmente descobrindo a cidade por conta própria.

Pizzaria em Nova York

Nem precisei ir muito longe para já ficar fascinado pela cidade…

Sabe aqueles lugares que você vai e pensa: posso morar aqui? vai, deixa? nunca te pedi nada!! diz que sim, só um pouquinho!!

Sim, foi bem assim… E já posso adiantar que essa vontade só cresceu nos dias seguintes.

P.s: Eu não estou aqui pra dizer que Nova York é a cidade mais perfeita do mundo, que não tem defeitos ou coisas assim. Mas estamos vivendo em uma situação tão complicada em nosso país… temos medo de sair na rua durante dia, de passear à noite… colocamos muros altos e cerca elétrica em casa, pois nem dentro delas nos sentimos seguros. Não somos respeitados por nossos governantes e somos roubados por todos os lados… Sem falar na impunidade que rola solta por aqui… Enfim, às vezes, ao ir para uma outra cidade, como Nova York, temos vontade de recomeçar…. E não digo isso por não gostar do Brasil…. mas porque está difícil de ter esperança no Brasil :( Enfim… vamos em frente que atrás vem gente!

Aos poucos as pessoas foram tomando conta das ruas da cidade e Nova York começou a ganhar vida.

Primeira Vez em Nova York

 

Era sexta-feira, era Black Friday… Nem é difícil adivinhar a primeira coisa que eu fui fazer, né? Compras!!!!

Começando com um Chip 4G, afinal, não rola de ficar desconectado nessa cidade!! Comprei um pacote ilimitado na T-Mobile e foi extremamente útil! Essa loja é super susse de achar na cidade, mas ainda vou fazer um post contando todos os detalhes sobre o chip… não dá pra falar tudo nesse primeiro post.

Com o chip no celular e 100% conectado, fui atrás de uma loja que sempre fui louco para conhecer: a B&H, o paraíso para os amantes de tecnologiaespecialmente para os apaixonados por fotografia.

Nova York, pela primeira vez

Nova York, por um Viajante

Se você é meio compulsivo, tente se controlar…. A B&H pode despertar em você alguns sentimentos muito primitivos…

louco

Minhas compras no loja foram: uma lente nova para minha câmera, um frito UV para ela, um carregador USB portátil, um fone da apple e um carregador para o Magic Mouse – pode ficar tranquilo que vou fazer um post com todos os detalhes e preços desses itens.

Depois das compras eu fui pra outra parada clássica de Nova York: a Times Square, claaaaaaaaaaro!

A caminho da Time Square...
A caminho da Time Square…

No caminho fui passando por lugares e lojas famosíssimas…. dentre elas a Macy’s  que normalmente é a paixão da mulherada, o terror dos maridos e o parque das crianças…. Enfim… alguns amam, outros odeiam. Eu passei reto agora… mas visitei em outro dia.

Chegando na Times Square pela primeira vez

Times Square, Nova York

Quando cheguei na Times Square, desculpa o palavrão, mas CA-RA-LE-O!!!! Que lugar surreal!!!! A qualidade da imagem dos telões… sério…é absurda! Eu fiquei chocado… de verdade!! Mas não é só isso…. tudo ali parece diferente…. o clima, as pessoas… é uma doideira!

Times Square, Nova York

Ali é o coração da Big Apple…. aquele cruzamento parece o centro do mundo. A energia que rola ali é incrível. Ver a aquele povo para todos os lados, os carrinhos de Hot Dog, a loja da Disney, os telões, os anúncios da Broadway… Simplesmente surreal!

Um Viajante em Nova York

Como ainda era cedo e fui perambular para outros lados da cidade, em busca deeee.. compras, claro! Mas dessa vez fui para uma das avenidas mais caras do mundo!! HA HA HA

Quinta Avenida, Nova York

Gente, nem com Black Friday, Red Friday, Pulple Friday….. Compras na 5th Avenue não são para qualquer um… infelizmente #chatiado.

Mas como olhar não paga (ainda), eu fui lá ver a loja da Amani, da Prada, da Gucci, da Dior…. Quanta riqueza, jesus coroado! E as vitrines de Natal?!?!??!?!?! FANTÁSTICAS!!! E a gente aqui achando a vitrine da Pernambucanas bonitinha…. 

Vitrine de Natal, Quinta Avenida - Nova York

Mas e as compras? Nem na Hollister, que eu achei que ia rolar, não deu boa por ali. O jeito foi passear e curtir a cidade… Compras só em outro lugar…. de preferência um lugar mais compatível com a minha realidade.

Nova York, por Um Viajante

Depois que anoiteceu, lá por umas 16h30 – sim, pode acreditar – eu voltei pra Times Square…. afinal, ver aqueles telões à noite é uma experiência completamente diferente…. não dá pra perder!

Noite na Times Square, Nova York

Noite em Nova York

Times Square, Night in New York

A fome do dia inteiro começou a bater e tentei visitar o famoso Hard Rock da Times Square, mas não deu boa – não consegui mesa, por estar sozinho, e o bar estava abarrotado de gente.

Dei um google e descobri que ali perto tinha um bar onde serviam, supostamente, um dos melhores hambúrgueres de Nova York. Hummmmmmm.. será que era bom??? Conto pra você no próximo post!!!

Enfim, esse foi o meu primeiro dia em Nova York. Confesso que fiquei fascinado pela cidade… era muito mais do que eu imaginava. A cidade tem uma energia diferente… dá pra sentir que as coisas por ali realmente acontecem. Minhas primeiras impressões foram mais que positivas… e olha que eu ainda não tinha nem começado direito.

Espero que tenha curtido esse post!! Fique a vontade para comentar, curtir, compartilhar ou tirar suas dúvidas por aqui. See you soon

About The Author

Robson Franzói é um jovem de Curitiba que tenta inspirar outros viajantes a explorarem diferentes lugares do mundo. Decidiu correr atrás dos seus sonhos e hoje vive desse blog, seu projeto mais especial. Apaixonado por fotografia e vídeos, o garoto vive para compartilhar suas experiências e dicas dos lugares que conhece. Suas fotos já estão ficando conhecidas e seus vídeos inspiram muitos viajantes. Aproveite e acompanhe o Instagram e também o Canal Um Viajante.

Related posts

12 Comments

  1. Priscila

    Nova York é sem dúvidas um dos destinos que todo mundo deveria conhecer!!! Vale muito a pena, fui em 2013 e espero voltar em breve…

    Ahh tbm sou de Curitiba, e amo viajar tbmmm… hehehe

    Reply
  2. Kalinka

    NYC
    A Times é parada obrigatória mesmo, é confusa, é cheia, é colorida, é doida, você pode ser atropelado de tanto olhar pra cima… Maaas, é um ícone da cidade! =D
    Chegou a ir perto das 00:00? Acontece um negócio muito legal chamado Midnight Moment, os telões ficam sincronizados e exibem obras de arte, é bem rapidinho mas é bem legal, começa às 23:57 e termina às 00:00.
    Muito bom o post, tô curiosa pra ver seus próximos sobre a cidade.

    Reply
  3. celvinha

    Gostei muito das suas fotos. Você poderia falar sobre sua máquina e suas fotos e também um pouco sobre o pacote de celular que você comprou. Se falou em outro post, desculpe.

    Reply
    1. Robson Franzói

      Oi Celvinha, tudo bom? Olha, a câmera que eu uso é uma Sony a77…. Mas tenho um conjunto de lentes pra ela que fazem a maior diferença. Ainda vou falar mais sobre isso aqui no blog.

      Já estou escrevendo um post sobre o chip que eu usei por lá…. foi muito bom!! Daqui uns dias vai estar no ar

      Se tiver qualquer dúvida é só me dar um grito aqui

      Reply
  4. Alana

    Olha eu aqui de novo.. haha Sobre a empresa do transfer, quem te recebeu falava português? Acha que compensa, falando em valores? Outra pergunta, quanto você pagou pelo chip? A internet era boa? Obrigada de novo! rs

    Reply
  5. Paulo roberto da silva alves

    Eu já estive em Nova Iorque em 1994,1998,2001 e 2007 e volto ano que vem, com certeza! Caminhar pelas ruas de Nova Iorque, flanar pelo Central Park, uma experiência pra toda vida! Conheço muitas megacidades como Istambul, Madri, Chicago, São Francisco, Buenos Aires, todas fabulosas, mas Nova Iorque é imperdível! Impossível morrer sem conhecer Nova Iorque! A cidade é fantástica! E realmente nos sentimos em cenário de filme quando estamos nela! Talvez para morar, a versão Canadense de Nova Iorque, no caso, Toronto, que conheço, cidade de primeiríssimo mundo, ofereça maior conforto e qualidade de vida. Agora, a vibração de Nova Iorque e os atrativos de Nova Iorque tornam Toronto e Chicago, duas cidades muito semelhantes entre si e com um modernismo espetacular e ainda arquitetonicamente maravilhosas, cidades pacatas e nem de longe com a mesma energia de Nova Iorque. Sim, a verdadeira capital do planeta! Eu amo Nova Iorque e quem não gostar só sendo louco da cabeça. I love New York!

    Reply
    1. Robson Franzói

      Grannnnnde Paulo!! Falou tudooo e falou bem!!! Só sendo louco da cabeça pra não amar Nova York! Já estou contando os dias para voltar… que cidade incrível…

      Obrigado pelo comentário meu amigo!! Te desejo muitas e muitas viagens…

      Se precisar de qualquer coisa é só dar um grito aqui!! Grande abraço!! I love New York!

      Reply
  6. Paulo Roberto da Silva Alves.

    Bem! Acabei de voltar de Nova Iorque, minha quarta vez na cidade no ano/mês de setembro/2017. E já não me impressionei tanto! A gente muda com a idade! Lembro da primeira vez em dezembro/1994! Fiquei deslumbrado e fascinado pela cidade numa idade relativamente jovem de 38 anos, influenciado pelo programa Manchete em Manhattan, programa que eu adorava e via nas madrugas cariocas. Agora não! Hospedado no West End próximo ao Central Park, achei a cidade mais suja, muita gente feia no metrô abarrotado e uma cidade difícil e cansativa. As vistas maravilhosas do Central Park ainda continuam lá! E os musicais também! Mas o excesso de gente estrangeira, o excesso de chineses, mexicanos, porto riquenhos, indianos, negros africanos, o excesso de gente nas ruas no Times Square, muita gente doida, tudo isto já não me cativa mais! A nova região do novo World Trade Center é grandiosa, com amplos espaços e tudo revitalizado, inclusive com dois novos shoppings maravilhosos. Agora a cidade está mais tumultuada e com uma cara mais terceiro mundista em seus caos urbano. Uma tendência do mundo! Toronto no Canadá tem uma cara de Nova Iorque sendo tão urbana e grandiosa quanto e sendo mais tranquila e civilizada. Nova Iorque ainda fascina! A esquina do mundo, com certeza! Mas como o mundo todo, piorou! Isto, infelizmente, uma tendência mundial!

    Reply
  7. papiniayala@hotmail.com

    Agora, apesar dos pesares, fui em 2017 e estou voltando em 2019. Como disse tudo muda com o tempo e muitas vezes para pior! Agora o fascínio por Nova Iorque! Este não muda! Estar no Central Park, e no Times Square! Isto um fascínio sem igual!

    Reply
  8. Paulo Roberto da Silva Alves

    Sim! Como falei a cidade mudou um pouco e está mais terceiro mundista, como toda a Europa inclusive! Mas o fascínio por Nova Iorque! Isto não muda! E tanto que volto agora em 2019! A situação do Brasil, terrível, e sem perspectivas nos faz tentar fugir sempre que podemos! E apesar de minhas críticas pontuais a cidade, nada como flanar pelo Central Park, andar pelo Times Square na noite! Realmente nos sentimos em cenário de filme! Robson adorou Nova Iorque e eu também adoro a cidade! Impressiona a pujança da cidade com mega construções em toda parte! A região do novo World Trade Center ficou espetacular! Enfim, meus amigos, apesar das vicissitudes do mundo de hoje e Nova Iorque não escapa delas, ali é a esquina do mundo! A cidade mais espetacular do planeta e absolutamente imbatível!

    Reply
  9. Paulo Roberto da Silva Alves

    E depois só voltei meio mal humorado de Nova Iorque por conta de uma briga com minha mulher! Aqui, vendo as fotos! Eu num domingo, um pouco a frente do Times Square, tirando fotos e mais fotos! As ruas cheias, com gente do mundo inteiro e o colorido dos prédios imensos! Vendo as fotos do Central Park! Que cidade! E vendo as fotos não há como não ter vontade de voltar! Sempre! Uma foto, eu, em uma carrocinha de cachorro quente em plena Broadway! Nova Iorque é a cidade mais icônica do mundo, nem Londres, nem Paris! Nova Iorque! E olha que já fui a lugares sensacionais, como Madri, Istambul, Toronto, Vancouver, Lisboa, Moscou e São Francisco/Califórnia. E tanto que volto em 2019! Mais dez dias em Nova Iorque!

    Reply

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *