Morro do Pai Inácio, na Chapada Diamantina

Principal cartão postal e um dos passeios imperdíveis da Chapada Diamantina, o Morro do Pai Inácio foi a atração que encerrou a primeira etapa da viagem pela Bahia.

Nessa altura da viagem, eu já tinha me convencido de que a Chapada Diamantina era um lugar mais do que especial. Nos dias anteriores, tive o privilégio de conhecer lugares incríveis, dentre cachoeiras, grutas e piscinas naturaislugares diferentes, únicos e que marcaram cada dia de uma forma singular.

Veja aqui tudo que já publiquei sobre a Chapada Diamantina

Depois de muitas aventuras, eu estava prestes a encerrar a primeira etapa da minha viagem pela Chapada Diamantina. O dia começou com a visita na Gruta Lapa Doce, uma das maiores e mais impressionantes do Brasil, e também com a visita na Pratinha e Gruta Azul.

Para fechar o dia, deixamos para curtir o pôr do sol no principal cartão postal da chapada….

O Morro do Pai Inácio

Considerado um dos passeios mais lindos e imperdíveis da Chapada Diamantina, o Morro do Pai Inácio nos possibilita uma vista deslumbrante da Chapada.

Morro do Pai Inácio, Chapada Diamantina

A subida, um pouco íngreme, dura cerca de 20 minutos – não chega a ser difícil, mas requer atenção para evitar acidentes. Lá no alto, chegamos a uma altitude de 1.120 metros e temos uma visão de 360º da Chapada que é realmente de perder o fôlego.

Confesso que subimos um pouco desapontados, já que o tempo estava virando rápido e nosso pôr do sol estava prestes a ir para o beleléu.

Quando chegamos lá no alto, a vista foi realmente de impressionar: de um lado a paisagem estava linda… com nuvens e raios de sol tornando o cenário ainda mais extraordinário.

Morro do Pai Inácio, Chapada Diamantina

Porém, quando olhávamos para a direção oposta, só conseguíamos ver uma tempestade se aproximando – e bem rápido!

O vento começou a ficar cada vez mais forte lá no alto e era possível ver nitidamente a tempestade chegando. Com isso, nosso tempo lá no topo foi bem curto e corremos para tentar escapar – o que não adiantou!

Morro do Pai Inácio, Chapada Diamantina

Antes mesmo de começar a descida, a chuva nos pegou com tudo – nem consigo lembrar da última vez que peguei uma chuva tão forte…. era muito vento e muuuuita água!!

50% de Desconto no Seguro Viagem para todos os destinos da América do Sul

Seguimos descendo com muito cuidado, já que as pedras molhadas se tornam escorregadias. Eu usei uma capa para proteger a mochila, que era o que mais me preocupava… e segui a descida concentrado.

Morro do Pai Inácio, Chapada Diamantina

Quando finalmente terminamos a descida, a chuva também passou. Foi como um banho de batizado…. apenas para sentir a força da natureza tocar nossa pele e brindar por dias tão especiais.

Posso não ter visto o pôr do sol mais lindo e colorido lá no alto, mas foi um banho de chuva para ninguém botar defeito

A Lenda do Morro do Pai Inácio

Não dá pra falar no principal ponto turístico da Chapada Diamantina sem falar na lenda que existe por trás dele. Bom, reza a lenda que um escravo da região, conhecido como Pai Inácio, namorava a filha de um coronel. Aquela clássica história de um amor proibido…

Morro do Pai Inácio, Chapada Diamantina

O romance foi descoberto e os capangas do coronel perseguiram o escravo até que ele foi encurralado no alto desse morro. Sem ter para onde fugir, Pai Inácio teria se jogado do morro com um guarda-chuva aberto…

Mais tarde, o escravo teria sido visto novamente… o que teria deixado todos surpresos. Segundo o guia, na verdade o Pai Inácio foi é muito esperto, pois pulou onde existia uma pedra mais baixa… se fosse realmente depender do guarda-chuva, não teria história para contar – espertinho ele hein!?!

Rumo ao Vale do Pati

E foi assim, com esse banho de chuva, que terminei minha primeira etapa da viagem pela Chapada Diamantina. O grupo que fiz os passeios nesse momento se dividiu… parte voltou para Lençóis, para depois seguir viagem para casa… e eu segui rumo ao Vale do Capão, onde começaria minha jornada pelo Vale do Pati.

A aventura maior ainda estava pela frente

Informações sobre o Morro do Pai Inácio

A visita ao Morro do Pai Inácio não é demorada ou de difícil acesso. Apesar de estar aberto das 9h às 18h, o melhor horário para o passeio é no final do dia.. para aproveitar o pôr do sol, se você der sorte!

Na entrada é necessário pagar uma pequena taxa (cerca de 10 reais). Caso vá com uma agência, normalmente esse valor já estará incluso no passeio.

Como chegar no Morro do Pai Inácio

O principal ponto de partida para visitar o Morro do Pai Inácio é a cidade de Lençóis, que fica a cerca de 26 km.

Para chegar lá basta pegar a BR-242 e ficar atento as indicações – o caminho é bem sinalizado e a entrada fica próxima da BR.

Morro do Pai Inácio, Chapada Diamantina

Dicas para o passeio

Como esse é um passeio curto, você facilmente vai incluir ele no seu roteiro junto com outros lugares. Uma boa alternativa é fazer ele no mesmo dia da Gruta Lapa Doce e Pratinha ou também casado com a Cachoeira do Mosquito e Poço do Diabo.

Dependendo da época do ano é importante levar um casaco para se abrigar lá no alto – e ter sempre uma capa de chuva. Vá com um calçado fechado para a sua segurança na subida e descida!

Vale ressaltar que o último horário permitido para subida é às 17h!

Onde se hospedar em Lençóis

Como comentei, a cidade de Lençóis é o principal ponto de partida para explorar boa parte dos atrativos da Chapada Diamantina.

Hotel Canto das Águas, Lençóis - Chapada Diamantina

A cidade é uma delícia e tem uma ótima estrutura para receber viajantes, com opções para todos os gostos e bolsos:

Encontre aqui os melhores hotéis de Lençóis.

Vale lembrar que ao fazer sua reserva por esses links do Booking, você contribui com o blog e não gasta nada a mais com isso

Agência para viajar pela Chapada Diamantina

Todos os meus passeios na Chapada Diamantina foram acompanhados de guias locais, o que tornou minha experiência ainda melhor – tanto em questão de tempo quanto de informações sobre os lugares.

Quem me acompanhou na viagem foi a agência Venturas, que faz um trabalho muito especial e reconhecido dentro da Chapada e também em outros destinos. Hoje a Venturas é parceria do blog e oferece condições especiais para os leitores:

Leitor do blog ganha uma mochila exclusiva!

A Venturas, valorizando os leitores que acompanham o blog, me propôs uma ideia super legal: os viajantes que fecharem uma viagem com eles, vão ganhar de presente uma mochila exclusiva! Você só precisa dizer que chegou lá por indicação do blog Um Viajante e fechar sua viagem - pronto, presente garantido! Além de receber o presente, você ajuda a mensurar meu trabalho por aqui.

Acesse aqui o Site Oficial da Venturas

Tudo sobre a Chapada Diamantina

Hoje você já encontra muitas informações sobre a Chapada Diamantina aqui no blog. Lembrando que essa foi uma viagem viabilizada pela SBAmarca da qual me tornei Embaixador no Brasil e no Mundo!

A SBA tem um blog com várias dicas de viagens e destinos, vale a pena conferir!

Acesse aqui o blog da SBA! 

Veja aqui todos os posts sobre a Chapada Diamantina!

Se você tiver dúvidas ou sugestões para quem for visitar o Morro do Pai Inácio ou outros lugares da Chapada Diamantina, fique à vontade para comentar aqui no post!! Valeu!!!

About The Author

Robson Franzói é um jovem de Curitiba que tenta inspirar outros viajantes a explorarem diferentes lugares do mundo. Decidiu correr atrás dos seus sonhos e hoje vive desse blog, seu projeto mais especial. Apaixonado por fotografia e vídeos, o garoto vive para compartilhar suas experiências e dicas dos lugares que conhece. Suas fotos já estão ficando conhecidas e seus vídeos inspiram muitos viajantes. Aproveite e acompanhe o Instagram e também o Canal Um Viajante.

Related posts

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *