fbpx

Como se locomover em Santiago: metrô, uber, taxi ou ônibus?

Veja como é o transporte em Santiago: uber, metrô, taxi ou ônibus? Saber como se locomover na capital do Chile pode fazer toda diferença na sua viagem e, principalmente, no seu orçamento.

Não é de hoje que se comenta que Santiago é uma cidade cara, principalmente em tempos em que a nossa moeda tem perdido força. Para não deixar de viajar e também não estourar o orçamento, a dica que eu sempre dou é: planeje cada detalhe da sua viagem!

Uma viagem bem planejada não é nada careta, como algumas pessoas podem pensar. Planejando e conhecendo bem o seu destino você tem muito mais chances de evitar perrengues e ainda poupar um bom dinheiroque é o que todo mundo tá querendo, né!?

Dentre as informações que eu mais gosto de pesquisar quando estou planejando uma viagem, os meios de transportes e como me locomover na cidade estão sempre em prioridade – especialmente quando o destino é uma cidade grande, como Santiago.

Nesse post eu espero facilitar a sua vida e mostrar as melhores formas de se locomover em Santiago e quais meios de transporte você pode utilizar por lá.

Caminhar e descobrir as belezas de Santiago

Antes de falar dos meios de transporte em si, não posso deixar de ressaltar que uma das melhores formas de conhecer Santiago é botando as pernas pra trabalhar. Caminhar pelas ruas, se perdendo entre prédios históricos, museus e restaurantes aconchegantes é, sem dúvida, indispensável para qualquer um.

Como se locomover em Santiago

Mas, claro, não posso ignorar o fato de Santiago ser uma cidade gigante e ter algumas atrações bem afastadas – o que vai acabar exigindo algum meio de transporte em um determinado momento da viagem.

Os principais meios de transporte em Santiago

A cidade de Santiago tem boas opções de transportes que podem ser bem úteis para você: metrô, uber, taxi, ônibus e bike são as opções básicas, mas que tem alguns segredinhos.

Como já comentei em outros posts, Santiago tem um trânsito bem caótico – especialmente nos horários de pico. Encarar o trânsito nessas horas pode ser um grande desafio e requer bastante paciência.

Se você tiver algum compromisso ou vôo perto desses horários, cogite sair com mais antecedência do que o previsto – evitando assim maiores problemas.

Pra te ajudar a escolher o melhor meio de transporte para usar em Santiago, vou comentar sobre as principais formas de se locomover na cidade e dar dicas básicas para você se da bem quando chegar lá.

Metrô de Santiago: simples, fácil e barato

Para percorrer longas distâncias em Santiago, minha principal recomendação é o metrô da cidade. Além de ser super fácil de utilizar, o metrô de Santiago é barato e cobre as principais regiões e pontos de interesse da cidade.

Metrô de Santiago do Chile

Aqui no blog eu já fiz um post explicando todos os detalhes sobre o metrô e tudo que você precisa saber para utilizá-lo:

 Veja aqui como utilizar o metrô de Santiago

Preciso apenas lembrar que nos horários de pico o metrô de Santiago também acaba sofrendo. Você vai envitar as ruas congestionadas da cidade mas pode encontrar estações com filas e trens bem cheios.

Mais uma vez eu reforço: se tiver compromisso perto das horas de pico, se programe para sair com antecedência.

Uber em Santiago: já é autorizado?

Não! A primeira coisa que você precisa saber sobre o aplicativo é que ele ainda não é regulamentado em Santiago.

Mas então, não posso utilizar o Uber?
Calma, vamos por partes…

O Uber não é regulamentado mas todo mundo que precisa do serviço acaba usando. O que acontece é que existe uma forte fiscalização da polícia em alguns pontos da cidade e, dependendo de onde você estiver, pode ser um pouco difícil conseguir um carro.

Como se locomover em Santiago

Eu já tive dificuldades de pedir Uber no Costanera, pois estava rolando fiscalização – tive umas 4 corridas cancelas antes de conseguir um carro!

O Aeroporto é um dos lugares onde o controle é bem rigoroso mas ainda assim é possível encontrar motoristas.

Fique atendo: muitas pessoas se apresentam na porta do aeroporto como motoristas de Uber, não caia nessa! Só entre no carro que você solicitou pelo aplicativo!

Já aconteceu comigo, uma vez, de pedir um Uber no aeroporto de Santiago e o motorista chegar a pé sim, pode acreditar! Eu fiquei confuso e achei que poderia ser golpe, mas quando ele me mostrou o celular eu vi era ele mesmo.

O que aconteceu foi que ele, para evitar a fiscalização, deixou o carro no lado de fora do aeroporto e pegou o ônibus do aero para chegar onde eu estava. Resultado: eu também tive que pegar o mesmo ônibus, com mala e tudo, para sair do aeroporto com ele e chegar no carro – nada prático, mas também não teve nenhum problema.

Motorista do Uber que eu recomendo

Na minha viagem mais recente ao Chile, mais uma vez, eu pedi um Uber quando cheguei no Aeroporto de Santiago. Por sorte, consegui um motorista que só trabalha fazendo corridas no aeroporto. Ele foi super atencioso e também me deixou seu WhatsApp para que eu combinasse a corrida de volta – pelo mesmo valor.

Muitas vezes é difícil conseguir um carro para fazer a viagem do centro para o Aeroporto ter um contato como o dele pode te salvar em uma emergência.

Eu perguntei se podia divulgar o número dele aqui no blog e ele disse que sim. Pois bem, o nome do motorista é Robinson, um jovem colombiano que vive em Santiago.

O número dele é +56 99550-4642. Você pode mandar uma mensagem e combinar para ele te pegar no aeroporto ou te levar para lá – ele só me pediu para que sempre seja avisado com pelo menos um dia de antecedência.

Uma corrida do centro até o aeroporto custa, normalmente, de $13.000 e $15.000 pesos chilenos. Pode falar pro Robinson que você pegou o contato dele no blog Um Viajante. Espero que ele esteja disponível e possa te ajudar

Taxi em Santiago: vale a pena?

Na primeira vez que estive em Santiago, quando nem existia Uber, eu acabei utilizando TAXI algumas vezes. Não é o transporte que eu recomendo! O valor, pra variar, é bem superior ao dos aplicativos de transporte.

Eu só usaria o taxi em Santiago em último caso: se o metrô estivesse fechado e eu sem celular, por exemplo. Nesse caso tá valendo, no mais, tentaria evitar!

Ônibus em Santiago

Andar de ônibus em Santiago não é muito complicado, ainda mais se você tiver conexão com a internet e traçar a sua rota no Google Maps.

Como se locomover em Santiago

Só é importante ressaltar dois detalhes importantes: o primeiro é que a maioria dos ônibus de Santiago não aceita dinheiro! Você precisa ter a tarjeta BIP, que é a mesma utilizada no metrô – já falei sobre ele aqui.

O outro ponto é que, assim como acontece com uber ou taxi, os ônibus também enfrentam o trânsito da cidade. A vantagem é que em algumas avenidas existem faixas exclusivas para os ônibus, o que faz eles serem mais rápidos.

Mesmo assim eu, particularmente, prefiro andar de metrô!

Bike: rola conhecer Santiago de bicicleta?

Sim!!! Santiago é uma cidade legal para andar de bike – com algumas ressalvas. Não que você vá conseguir fazer tudo com sua bice, até porque nem todas as ruas tem ciclovias.

Mas o legal é que existem algumas regiões da cidade, especialmente as turísticas, que tem ciclovia e inclusive pontos onde você pode pegar uma bike e depois devolvê-la em outro lugar.

Conheça o BikeSantiago: o sistema para alugar bicicletas

Se a sua ideia for explorar Santiago de bicicleta, a boa notícia é que lá eles tem um sistema chamado BikeSantaigo, que é, assim como em algumas cidades do Brasil, mantido pelo Banco Itaú.

Bicicleta em Santiago

Existem opções onde os primeiros 30 minutos são gratuitos e também planos de 1 dia por $5.000 pesos ou 3 dias por $10.000 pesos.

Para conseguir alugar uma bicicleta você precisa ter um cadastro e um cartão do sistema. Para quem é viajante, a forma mais fácil e se dirigir a um quiosque para realizar o cadastro.

Veja mais informações no site oficial.

Alugar carro em Santiago

Por fim uma última opção seria alugar um carro para se locomover em Santiago e até mesmo visitar cidades vizinhas. O que posso dizer, por experiências de amigos próximos, é que é complicado depender de carro em Santiago. Além do trânsito caótico, como comentei, conseguir vaga não é fácil e os estacionamentos são bem caros.

De qualquer forma, dependendo do objetivo da sua viagem, alugar um carro pode ser sim uma opção. Nesse caso eu recomendo que você chegue na cidade com um carro reservado – tive uma experiência sem reserva e foi péssima.

Eu recomendo o sistema da RentCars para você fazer a busca do melhor valor e garantir a sua reserva – lembrando que você pode dirigir no Chile com a CNH brasileira.

 Procure aqui um carro para alugar em Santiago.

Hospedagem em Santiago

Se você está indo para Santiago e precisa de hospedagem, minha sugestão é procurar e fazer sua reserva no Booking.com. Além de ser um dos sistemas de reservas mais confiáveis do mundo, o Booking também é parceiro do blog!

Fazendo suas reservas por esse link, você vai garantir sua estadia com segurança e ainda vai ajudar o blog, sem gastar nada a mais com isso

 Veja aqui as melhores opções de hotéis em Santiago

Importante: sempre fique atento!

Não que eu queira parecer a sua mãe, mas é sempre importante lembrar: quando você for utilizar o transporte público ou caminhar por Santiago, fique muito atendo aos seus pertences. Furtos podem acontecer em qualquer lugar, especialmente em lugares turísticos muito cheios ou no metrô lotado.

Cuidados com bolsas, celulares, carteiras e câmeras devem ser sempre redobrados. No mais é só curtir sua viagem

Espero que as informações do post ajudem na sua viagem para Santiago. Tenho certeza que você vai se apaixonar pela cidade. Se tiver qualquer dúvida, fique a vontade para comentar aqui no post. Besos chicos!

mondial-pos-2016

Meu Primeiro Mochilão

About The Author

Robson Franzói é um curitibano de 29 anos, formado em design e obcecado por descobrir coisas novas. Em 2012 decidiu correr atrás dos seus sonhos e no seu primeiro mochilão descobriu sua grande paixão: viajar! Amante também da fotografia, o garoto criou esse blog para compartilhar suas histórias, aventuras e clicks pelo mundo. Suas fotos já estão ficando conhecidas, aproveite e acompanhe o Instragram @blogumviajante

Related posts

1 Comment

  1. Valdir Brito

    Uma dica muito boa economizar no percurso do aeroporto até seu hotel ou hostel, é procurar pela companhia de ônibus Tur-bus no aeroporto, eles tem uma linha especial que faz apenas o percurso do aeroporto a estação Pajarito do metro de Santiago. Desta estação de metro opera semelhante ao Jabaquara em São paulo, ela também é uma rodoviária e de la você também consegue ir para Val Paraíso. Um transfer do aeroporto para o centro de Santiago sai em média 14MIL Pesos. Com o Ônibus você paga 4MIL. (Dica valida pra quem viaja com pouca bagagem!)

    Reply

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *