Biblioteca Pública de Nova York: uma visita gratuita que vale a pena

Visitar a New York Public Library, ou Biblioteca Pública de Nova York, é uma ótima pedida para quem é apaixonado por livros e quer conhecer o lado histórico da cidade.

Praticamente todos os passeios guiados e até os ônibus turísticos que percorrem as ruas de Manhattan, destacam a Biblioteca Pública de Nova York como uma atração que merece ser visitada.

Biblioteca Pública de Nova York - New York

Eu tinha vontade de fazer essa visita desde a minha primeira viagem para lá, porém naquele papo de deixar para depois e roteiro corrido, sempre acabou ficando de lado.

Dessa vez, não deixei a oportunidade passar e, enfim, visitei o interior da biblioteca e conheci seus famosos salões o que valeu muito a pena!

Conheça a New York Public Library

A Biblioteca Pública de Nova York, fundada em 1911, é, até hoje, uma construção que se destaca na cidade.

Biblioteca Pública de Nova York - New York

Chamado de Stephen A. Schwarzman Building, o edifício principal da biblioteca está localizado na 5ª avenidaentre a 40th e a 42nd – e é guardado por dois grandes leões de pedra, claro.

Por fora, sua arquitetura marcante e imponente chama a atenção em meio aos altos edifícios que se elevam ao seu redor. Já no interior, onde mármore e madeira decoram seus corredores e belos salões, está um dos maiores acervos dos Estados Unidos: mais de 20 milhões de livros e 50 milhões de itens catalogados.

Se você realmente gosta de livros e de espaços históricos, não pode deixar essa atração de fora do seu roteiro.

Visitando a Biblioteca Pública de Nova York

Como falei, o prédio principal da Biblioteca Pública de Nova York está localizado na 5ª avenida, junto ao Bryant Parkum parque que também merece um pouco do seu tempo.

Biblioteca Pública de Nova York - New York

Por ser uma área central da cidade, é muito fácil incluir a visita no seu roteiro. Para acessar o interior da biblioteca, basta chegar pela quinta avenida e seguir as indicações de acesso a visitantes.

Não deixe de reparar nos grandes leões que guardam a entrada da biblioteca, apelidados de Patience and Fortitude (Paciência e Perseverança). Os nomes foram dados pelo prefeito de Nova York na década de 30, que sentia que os nova-iorquinos precisavam possuir essas qualidades para sobreviver à Grande Depressão, também conhecida como Crise de 1929.

O acesso à Biblioteca Pública de Nova York é totalmente gratuito e você pode percorrer os principais salões e até utilizar os serviços oferecidos pela biblioteca.

Logo na entrada, após passar pelo controle de segurança, você vai chegar a um imponente salão revestido com mármore branco de Vermont.

Biblioteca Pública de Nova York - New York

Eu não sei se é porque sou fã de Harry Potter, mas ao percorrer o interior da biblioteca me senti, de verdade, no mundo da magia.

Você também vai perceber que caminhar pelo interior da biblioteca é uma aventura, já que os corredores são como labirintos e é muito fácil se perder lá dentro – mas, mesmo perdido, eu simplesmente amei a experiência.

Biblioteca Pública de Nova York - New York

Os corredores da biblioteca têm um ar misterioso e realmente parece que estamos fazendo uma viagem no tempo. Mais incrível ainda é acessar algumas salas e ser surpreendido por um espaço mais lindo que o outro.

Os grandes salões da biblioteca, com estantes antigas recheadas de livros, grandes janelas de aço permitindo a passagem da luz natural e lustres maravilhosos pendendo do teto detalhadamente ornamentado, são, de verdade, um espetáculo à parte você não pode deixar de visitar esses espaços.

Biblioteca Pública de Nova York - New York

Séries e filmes gravados na Biblioteca Pública de Nova York

Não sei se a sua memória já buscou a referência, mas é provável que você já tenha visto a Biblioteca Pública de Nova York em algum filme ou seriado – o espaço já foi cenário em diversas produções.

Dentre a extensa lista de produções, algumas das mais famosas são:

  • Os Caça-Fantasmas (1984)
  • Homem Aranha (2002 e 2007)
  • O dia depois de amanhã (2004)
  • Sex and the City (2008)
  • Oblivion (2013)

E também séries como Smallville, CSI NY e Gossip Girl.

Dicas para visitar a Biblioteca Pública de Nova York

Agora que você já conhece um pouco mais sobre Biblioteca Pública de Nova York, quero destacar alguns pontos para aproveitar melhor a visita.

Biblioteca Pública de Nova York - New York

Separe entre 1 e 2 horas para visitar a biblioteca: a não ser que você queira sentar e aproveitar o espaço para ler, você deve levar cerca de uma hora para conhecer as principais áreas dela.

Respeite as indicações de silêncio: como qualquer biblioteca, o respeito ao silêncio é fundamental. Você vai ver que muitos estudantes e nova-iorquinos utilizam o espaço para leitura e para fazer trabalhos. Se não quiser levar um pito dos guardinhas, procure falar baixo.

Nem todas as áreas podem ser fotografadas: existem espaços que, normalmente, são destinados para pessoas que querem fazer uma leitura sem serem incomodadas, por isso é importante respeitar.

Você também pode utilizar a biblioteca: não só o acesso é gratuito, mas você pode solicitar um livro e também utilizar os computadores com acesso à internet – para isso, é necessário fazer um cadastro.

Curiosidades sobre a Biblioteca Pública de Nova York

Quer deixar sua visita ainda mais rica em informações? Vou contar então algumas curiosidades sobre a Biblioteca Pública de Nova York que, provavelmente, você desconheça.

Biblioteca Pública de Nova York - New York

Os nomes dos leões da biblioteca

Originalmente eram Lord Lenox e Lady Astor fato curioso, já que ambas as esculturas representam leões machos. Os novos nomes foram dados, como comentei, pelo prefeito de Nova York na época, Fiorello La Guardia.

Maior coleção de menus do mundo

Exatamente isso! Na biblioteca existe um acervo com mais de 40.000 cardápios de restaurantes, datando de 1850 até o presente. Dizem que o acervo é muito usado por chefs, romancistas e pesquisadores.

O frequentador mais fiel

Norbert Pearlroth era um pesquisador profissional e é considerado o frequentador mais fiel que a Biblioteca Pública de Nova York já teve. Ele visitou a biblioteca praticamente todos os dias, sentando na mesma mesa por 52 anos, de 1923 a 1975.


Biblioteca Pública de Nova York - New York


O item mais triste da biblioteca

Dentre o acervo da biblioteca, o item considerado mais triste é uma carta escrita pelo poeta inglês John Keats para sua alma gêmea, em 1820. A carta começa com uma saudação afetuosa: “Minha querida menina” -, mas segue ladeira abaixo: “Estou feliz que haja tal coisa como o túmulo. O mundo é muito brutal para mim. Eu gostaria que estivesse em seus braços cheio de fé ou que um raio me atingisse.”

O livro mais “polêmico”

A biblioteca conta com um exemplar da chamada Bíblia Maldita, de 1631 – um total de 1.000 exemplares foi feito por ordens de Carlos I da Inglaterra. Nessa versão da Bíblia, um erro tipográfico causado pelos copistas, que fizeram a cópia à mão, alterou os dez mandamentos ao pular a palavra “não“, fazendo com que, em vez de condenado, o adultério fosse incentivado. Muitos exemplares foram queimados na fogueira e os erros associados ao demônio Titivillus, que sussurrava as palavras erradas no ouvido dos copistas.

O item mais bizarro

Se você quer algo estranho, sem contar os fragmentos do crânio de Percy Bysshe Shelley, localizados na sala 319, pode ser o abridor de cartas de Charles Dickens, que conta com a pata embalsamada do seu amado gato, Bob, incluindo unhas e tudo mais.

O livro mais pesado

Dentre a coleção gigantesca da biblioteca, dois livros estão empatados como os mais pesados do acervo: a primeira edição de Birds of America, de John James Audubon, publicado na década de 1830; e também Michelangelo: La Dotta Mano. 

Ambos pesam cerca de 25 quilos!

Só para você ter uma ideia, uma das cópias de Birds of Americaque é um livro de inteiramente ilustrado – foi vendida em 2010 por 11,5 milhões de dólares.

Foto de um exemplar de Birds of America leiloada pela Sotheby's
Foto de um exemplar de Birds of America leiloada pela Sotheby’s

Esse livro também ficou conhecido em um roubo nos Estados Unidos que virou até filme em 2018: American Animals, vale a pena assistir!

Já Michelangelo: La Dotta Mano é o livro mais caro do mundo publicado na atualidade. A obra, que conta com apenas 99 exemplares, custa 100 mil euros. Quer saber por quê? Bom, além de ser totalmente artesanal, só na capa desse livro você tem uma réplica em mármore da escultura Madonna della Scala, uma das primeiras de Michelangelo.

Michelangelo: La Dotta Mano
Michelangelo: La Dotta Mano | Foto: divulgação

A escultura utiliza o mármore carrara, proveniente da mesma pedreira que Michelangelo costumava comprar o material para suas obras. Já o veludo de seda da capa é produzido em teares antigos, que podem produzir apenas oito centímetros de tecido por dia.

Sem falar no papel, em puro algodão de 250 gramas, confeccionado manualmente – fibra por fibra. Vale reforçar que a editora oferece uma garantia de 500 anos para o livro e aí, quer comprar?

Endereço e como chegar à Biblioteca Pública de Nova York

Apenas reforçando, a Biblioteca Pública de Nova York está localizada na quinta avenida com a 42nd St. Vou deixar o mapa com a localização exata:

Como chegar à biblioteca de Nova York

A estação mais próxima da biblioteca é a 5 Avenue-Bryant Park Station, que você chega com a linha 7 do metrô. Outra que fica bem perto também é a 42 St-Bryant Park Station, que conta com as linhas B, D e F.

Outra ótima opção é a Grand Central, que merece fazer parte do seu roteiro – aproveite que vai chegar lá e já visite mais essa atração imperdível de Nova York. Na Grand Central você consegue chegar com as linhas 4, 5, 6, 7 e S do metrô.

Biblioteca Pública de Nova York - New York

Dicas de Nova York

Se quiser mais dicas de Nova York, se liga que aqui no blog você encontra um guia cheio de informações atualizadas para sua viagem – você pode navegar pelo conteúdo de Nova York de uma forma diferente dos demais destinos. Aproveite que está cheio de novidades!

Também gostaria de pedir que, sempre que possível, você faça suas reservas pelo Booking.com utilizando os links do blog. Você pode escolher um hotel da sua preferência e, sem gastar nada a mais com isso, dar uma grande força para o blog – eu agradeço muito!

Pesquise e reserve aqui o seu hotel em Nova York Veja aqui o Guia Especial de Nova York

Espero que tenha curtido esse post sobre a Biblioteca Pública de Nova York e suas curiosidades! Se tiver qualquer dúvida, quiser compartilhar sua experiência ou alguma curiosidade sobre a biblioteca, fique à vontade para deixar um comentário. See you!!

Referências e Fontes: NYTIMES | NYPL

Roteiro de 7 dias completos em Nova YorkReserve seu hotel em Nova York

About The Author

Robson Franzói é um jovem de Curitiba que tenta inspirar outros viajantes a explorarem diferentes lugares do mundo. Decidiu correr atrás dos seus sonhos e hoje vive desse blog, seu projeto mais especial. Apaixonado por fotografia e vídeos, o garoto vive para compartilhar suas experiências e dicas dos lugares que conhece. Suas fotos já estão ficando conhecidas e seus vídeos inspiram muitos viajantes. Aproveite e acompanhe o Instagram e também o Canal Um Viajante.

Related posts

2 Comentários

  1. rubia

    estou apaixonada por esse lugar, que lindo! estive em nova york e não fui na biblioteca, com certeza irei na próxima viagem. muito lindo

    Reply
    1. Robson Franzói

      Oi Rubia!! A Biblioteca Pública de Nova York é linda né!?! Vale muito a pena incluir no seu próximo roteiro sim, aproveita!!!

      Se precisar de alguma coisa me dá um grito aqui!

      Reply

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *