A mina de sal mais antiga do mundo

Hoje vou contar pra você sobre mais um lugar incrível que visitei e que é parada obrigatória para quem visitar Hallstatt, na Áustria. Tudo que você precisa saber para chegar em Hallstatt eu já contei aqui, mas agora quero falar sobre uma das principais atrações desse lugar: a sua mina de sal.

Mina de Sal - Hallstatt

Não sei se você sabe, mas tanto o nome Salzburg quanto Hallstatt são derivados da palavra “sal“. Hallstatt, que significa “Lugar do Sal“, abriga a mina de sal mais antiga do mundo. Um lugar cheio de histórias que você vai descobrir através de túneis por dentro da montanha.

Para chegar na entrada da mina você precisa subir até o alto da montanha. A maneira mais simples e tradicional é com o funicular. Ele te leva a 855 metros de altura em apenas 3 minutos. Do funicular, com janelas de vidro, você vai ter uma deliciosa experiência na subida. Aos poucos, tudo vai ficando pequeno e a vista se torna surpreendente.

Funicular - Hallstatt

Se você não tiver tempo de visitar a mina, é possível adquirir o ticket apenas do funicular. Vale a pena pois a vista lá do alto é incrível. Outra opção, para os mais aventureiros, é a subia a pé. O caminho até o topo leva mais de 1 hora e vale a pena se você tiver tempo e um bom preparo físico.

Os tickets são comprados na base do funicular. Lá você decide se quer comprar o combo (funicular + mina) ou os tickets separados. No final do post você encontra as informações de valores.

Chegando lá no topo, a primeira parada é a Rudolf’s Tower. Essa torre foi construída no ano de 1282, como uma defesa para os trabalhadores da mina. Em 1313 ela se tornou a residência do Gerente da Mina e assim ficou por mais 640 anos. Muitas pessoas importantes passaram por ali, dentre elas o Imperador Maximiliano

Hoje funciona na torre um restaurante que oferece, sem dúvidas, a melhor vista da região. Do alto dos 855 metros a vista é de tirar o fôlego.

Hallstatt, Áustria

Rudolf's Tower, Hallstatt

Depois de passar pela torre você precisa caminhar um pouco até chegar na entrada da mina. O passeio é em meio a natureza e uma delicia de fazer. No caminho existem pontos informativos contando a história do lugar.

Uma viajante em Hallstatt

Hallstatt, Salt mine

A visita na Mina de Sal é feita em grupo, acompanhada de um guia que vai contando toda a história. Ele faz as explicações em mais de uma língua, quando necessário. No meu caso, eu era o único do grupo que não falava alemão, então o guia conduzio o tour em alemão e foi me explicando tudo separadamente, em inglês.

Entrada da Mina de Sal, Hallstatt

O grupo passa por esse portal de entrada e caminha por um túnel escuro para dentro da montanha. A caminhada é longa, o túnel parece não ter fim. Você olha pra tras e a luz do dia começa a ficar fraca, até que você não a vê mais.

Então chega a hora de ouvir mais detalhes sobre a história dessa mina. Bom, até 1838 considera-ve que essa mina era de 1.500 a.C, porém, nesse ano, os trabalhadores da mina encontraram um artefato do período Neolítico, datado de 5.000 a.C. Isso a tornou uma mina de sal de 7.000 anos e desde então é considerada a mais antiga do mundo.

Outro fato marcante dessa mina foi quando o corpo de um ex-mineiro foi encontrado, perfeitamente preservado no sal. Chamado de Homem de Sal, ele apresentava roupas e ferramentas bem incomuns. Por falta de estudos na época, o corpo acabou sento enterrado e não preservado. Existe até hoje a esperança de se encontrar um outro homem de sal.

Diversas atividades acontecem durante a visita. Vídeos interativos, apresentações e luzes coloridas enriquecem o passeio. Na próxima foto você pode ver o espelho d’água formado dentro da montanha. Durante o passeio você também pode provar uma gota d’água e sentir como ela é muito mais salgada do que você poderia imaginar.

Salt Mine, Hallstatt

Mina de Sal, Hallstatt

Uma das partes divertidas da visita são os dois escorregadores. Eles te levam a outros níveis da montanha, sendo que um deles tem mais de 60 metros de comprimento. No final pode comprar uma foto da sua decida e ver qual a velocidade atingiu. Quem não quiser particiapar deslizando, pode utilizar uma escada ao lado.

Mina de Sal, Hallstatt

Acabei não atingindo muita velocidade e olhei para a câmera errada #fail. Mesmo assim valeu pela experiência.

O passeio termina em um trem que te leva para fora da montanha. Nesse momento você vai entender o quanto para dentro da montanha você entrou.

Para fechar o passeio você recebe um potinho com sal.. o sal da mina mais antiga do mundo. Legal né?

O sal da mina de sal mais antiga do mundo, Hallstatt

Valores

O custo para o pacote completo, incluindo a mina e o funicilar, é de € 24. Somente o funicular é € 12. Vale destacar que eles tem preços especiais para crianças e famílias

A mina de sal não abre no inverno, então verifique aqui os horários de funcionamento.

Aproveite e encontre aqui as melhores opções de hotéis em Hallstatt e aqui as melhores opções de hotéis em Salzburg.

Melhor Seguro Viagem InternacionalBooking.com

About The Author

Robson Franzói é um jovem de Curitiba que tenta inspirar outros viajantes a explorarem diferentes lugares do mundo. Decidiu correr atrás dos seus sonhos e hoje vive desse blog, seu projeto mais especial. Apaixonado por fotografia e vídeos, o garoto vive para compartilhar suas experiências e dicas dos lugares que conhece. Suas fotos já estão ficando conhecidas e seus vídeos inspiram muitos viajantes. Aproveite e acompanhe o Instagram e também o Canal Um Viajante.

Related posts

56 Comentários

  1. Karyne

    Nossa, que lindo. Paisagens incríveis.
    Me responde uma dúvida, vc escolhe uma época do ano para viagens ou é de acordo com dias que surgem no ano que dá pra ir e vc vai? geralmente quanto tempo fica viajando de uma vez só?

    uahuihaiuha
    sorry pelas perguntas!

    Reply
    1. Robson

      Oi Karyne, fique sempre a vontade para comentar e fazer perguntas. Eu normalmente escolho a época… procuro viajar em baixa temporada. Quanto ao tempo de viagem.. isso varia um pouco, para viagens para lugares mais distantes eu fico mais tempo…. viagens mais próximas dá pra ser menos tempo.

      Tudo vai depender muito do seu destino.. a viagem pode durar 1 mês… uma semana..

      Obrigado pela visita

      Reply
  2. Osvaldo Souza

    Aeee mais um post sobre hallstatt sua linda

    Valeu novamente por compartilhar Robson. E definitivamente hallstatt estará na minha próxima viagem à europa.

    As fotos da vista das montanhas e lago ao redor de Hallstatt na torre de Rudolph parecem pintura(apesar de saber q rolou um photoshop básico ali heeheh) e são espetaculares.

    Muito bom.

    P.S. Ahhh, acompanho também o viaje na viagem pra organizar minhas viagens então…Parabéns pela seleção.

    Reply
    1. Robson

      Hallstatt é incrivelmente encantadora…

      Na verdade finalizo as fotos no lightroom, mas posso dizer que nem assim é possível transmitir 100% da beleza que vemos ao vivo.

      O viaje na viagem é uma ótima fonte para pesquisas, muito legal que selecionaram esse post!

      Obrigado por acompanhar o blog

      Reply
  3. Rodrigo

    Robson, primeiramente parabéns pelo site, textos claros, bem informativos e sempre com ótimas fotos.

    Uma dúvida, você fez Hallstat e a mina de sal no mesmo dia e depois retornou para Salzburgo ?

    abs.

    Reply
  4. Liana

    Oi Robson, estou querendo conhecer a mina no verão, em julho, você acha que tem alteração de preço? E outra, vc falou que voltando direto para Salzburgo a passagem de trem era mais cara, vc lembra quanto mais cara era? hehe Essas passagens são fáceis de comprar na hora?

    Desculpa o monte de perguntas, mas vi esse post e fiquei com muita vontade de conhecer!
    Obrigada

    Reply
    1. Robson

      Oi Liana, tudo bom? Pelo que eu ví no site os valores não vão alterar.

      Essa volta direta que eu falei é de trem, ela sai mais cara que a de ônibus. Não lembro exatamente o valor… mas acho que dava quase 30 euros a mais… ou algo assim…

      Se você não for fazer muitas viagens de trem, vale pena…. as paisagens indo de trem devem ser lindas.. eu acabei voltado de ônibus pois já estava segurando um pouco a grana…

      Qualquer pergunta, fique a vontade!! Você vai gostar muito de Hallstatt!

      Reply
  5. Samuel

    Olá Robson,

    Fiquei com muita vontade de conhecer hallstatt, esterei indo em agosto/14. Fiquei com dúvida em relação a volta, sobre os últimos horários de trens/ônibus para voltar a Salzburg.
    Abraço

    Reply
  6. Alexandra Mota

    Olá Robson! Chegarei em Munique dia 16/04 e farei um bate-volta a Salzburg. Quanto tempo levou essa visita guiada à mina de sal? Vc acha que dá tempo fazer sem dormir em Salzburg?

    Reply
    1. Robson Franzói

      Oi Alexandra.. então, você precisa dormir em Salzburg sim.. Porque assim, o ônibus que sai de Salzburg e te leva para Hallstatt sai bem cedo.. Então você dificilmente vai conseguir chegar de outro lugar a tempo de pegar o ônibus. Lembrando que você precisa pegar esse ônibus e mais um trem até chegar na estação de Hallstatt. Aqui tem mais informações: https://www.umviajante.com.br/austria/113-a-pequena-e-linda-hallstatt

      E lembre de fazer o Seguro Viagem e ganhar 15% de desconto aqui do blog!! Dá uma olhada nesse post e pega o cumpom:
      https://www.umviajante.com.br/guia-viajante/176-seguro-viagem-europa/

      Abraços!!! Aproveite muito a viagem

      Reply
  7. Sigrid

    Olá, gostaria de saber quanto tempo leva para fazer o passeio na mina de sal pois ficarei somente 1 dia e meio em Salzburg. Obrigada

    Reply
    1. Robson Franzói

      Oi Sigrid.. então.. na verdade você precisa ir até Hallstatt para visitar a mina. O ônibus que você pega para fazer essa viagem saí por volta das 8 da manhã de Salzburg. Esse é um passeio de dia inteiro. Você teria que reservar um dia no seu roteiro para conhecer Hallstatt + a mina de sal. Não sei se você conseguiria fazer o passeio com apenas 1 dias e meio em Salzburg – o ideal seriam 2 dias (1 para Salzburg e um para Hallstatt. Espero ter ajudado

      Reply
  8. Viviane Cristina

    Olá Robson, Hallstatt é meu objetivo de viagem! Nada consegue me encantar mais do que aquela paisagem! No dia que vc foi, conseguiu visitar a cidade e a mina de sal, tudo no mesmo dia? Sendo assim, que horas vc pegou o barco pra voltar a estação? Ficarei em Salzburg, mas abriria mão para ficar um pernoite em Hallstatt!

    Reply
  9. Ana Rio Branco

    Oi Robson. Adorei as fotos e dicas sobre Hallstatt. Estou em Villach, Áustria, vistando minha filha que mora nessa cidade. Estamos programando uma visita a Hallstatt que fica a 175 km de onde estamos. Devemos ir de carro para passar o dia. Voce por acaso poderia me dar alguma informação sobre onde estacionar, pois imagino que não podemos entrar de carro na cidade. Desde já, obrigada.

    Reply
    1. Robson Franzói

      Oi Ana, tudo bom? Desculpa a demora para te responder… ainda estou me organizando com a volta da minha viagem pela Ásia. Que legal que vai incluir Hallstatt no seu roteiro. Então, eu vi que tinham alguns carros parados em uma parte do vilarejo sim… eu não sei dizer como eles chegam lá, imagino que é pelo outro lado da vila – eu quase me recordo de ter visito um túnel, não tenho certeza…. Mas imagino que é possível chegar de carro sim. Espero ter ajudado, qualquer coisa dá um grito

      Reply
      1. Ana Rio Branco

        Oi Robson, passei por aqui só para deixar o relato da minha passagem por Hallstatt em maio. Como comentei, saímos de Villach, Sul da Áustria e viajamos de carro até Hallstatt. A minha dúvida era se teria estacionamento e tinha vasta oferta de estacionamento, pagos, naturalmente e bem perto do Centro do vilarejo. Visitamos a mina de sal, que super valeu a pena e passeamos pelo Centro da cidade. Faço uma recomendação aos que decidirem visitar a mina : usem tenis ou sapatos confortáveis porque é uma boa caminhada depois que saímos do teleférico. Foi um lindo e inesquecível passeio voltamos para Villach no finalzinho da tarde e esse tempo foi mais do que suficiente para visitar tudo. Em tempo, chegamos ao vilarejo por volta da 10,30 da manhã. Mais uma vez obrigada pelas dicas e referências.

        Reply
        1. Robson Franzói

          Oi Ana!! Ahhh que demais… fico muito feliz que tenha feito o passeio e que tudo deu certo. Muito obrigado por voltar aqui e contar como foi sua experiência. Muito obrigado mesmo!!!!

          Um grande abraço e muitas viagens pra você

          Reply
  10. Sabrina

    Robson, muito bom o seu post! Quero muito conhecer Hallstat, e surgiu uma oportunidade de ir lá com meus pais. Mas meu pai tem certas restrições pra caminhar. Você lembra quão longa é a caminhada pelo túnel? E a descida de 60 metros pela escada também seria um pouco complicada pra ele, será que um senhor de 65 anos encara a descida pelo escorregador?

    Reply
    1. Robson Franzói

      Oi Sabrina, tudo bom? Que legal que vai visitar Hallstatt com seus pais… pode ter certeza que todos vão adorar. Sobre a Mina, a caminha não é muuuito longa… Eu vi algumas pessoas de mais idade fazendo o passeio e por isso acho que é tranquilo. No caso do seu pai é um pouco difícil eu dar um palpite… mas ele consegue caminhar por mais de uma hora? O caminho na é difícil e nem muito rápido…. mas tem que andar um pouco. E a descida no escorregador é bem tranquila…. ela é reta, então se ele não tiver medo.. vai ser tranquila…. ou tem a escada para descer ao lado – mas o escorregador vai ser mais legal, até pra ele.. hehehe.. Qualquer outra dúvida é só dar um grito

      Reply
    1. Robson Franzói

      Oi Yasmine, tudo bom? Olha, eu acho que levou cerca de duas horas no total… não é muito demorado.. talvez o tempo até passou rápido e eu não percebi… o passeio é bem legal

      Reply
  11. Wal

    Robson,

    Acabamos de regressar de Hallstatt. Grande parte do nosso interesse em visitar a Mina de Sal nasceu lendo o seu blog. Devo dizer que Hallstatt (e região) é o lugar mais lindo que já fui em toda a minha vida. A visita a Mina de Sal deveria estar nos Top 10 de coisas que as pessoas precisam fazer antes de completar 20/30/40… [coloque a idade que quiser] anos. É imperdível!!

    ps1: a visita tem 90 minutos de duração
    ps2: desci com meu marido no segundo escorregador e alcançamos 32km/h. Inesquecível!

    Reply
    1. Robson Franzói

      Fala Wal… tudo bom? Nossa, você não sabe como me deixa feliz com seu comentário. É muito bom saber que o blog está ajudando outros viajantes a descobrirem lugares tão incríveis como Hallstatt. O vilarejo é realmente um sonho….

      Muito obrigado por voltar aqui e contar como foi a sua experiência. Estou muito feliz, de verdade

      Grande abraço!!

      Reply
  12. Fabiano

    Oi Robson, meus parabéns pelo blog! Sensacional! Seus posts são claros e bem acessíveis, conseguem atingir com precisão os pontos mais importantes. Suas fotos são outro espetáculo, bom gosto de sobra…
    Estou indo pra Europa agora em outubro, programei uns dias pela Áustria e incluí Innsbruck, Salzburg e Hallstatt… Estou com uma dúvida sobre o passeio à mina de sal de Hallstatt, tem como eu saber os horários dos ônibus de volta (Hallstatt – Salzburg)? Como sugerido, vou montar “acampamento” em Salzburg, onde dormirei na volta de Hallstatt, seguindo no dia seguinte para Bratislava…

    Reply
    1. Robson Franzói

      Grande Fabiano, tudo certo? Legal que vai conhecer Hallstatt, pode ter certeza que vai se apaixonar!!

      Então, dá uma olhada nesse link: http://www.austria.info/media/14848/SalzburgBad_ischl.pdf

      Nessa tabela você tem os horários dos ônibus que fazem a ligação de Salzburg e Bad ischl. Parece meio complicada, mas não é…. procure pelos horários do “ônibus 150” Veja que ele é o único que faz as viagens diretas… os outros vocês teria que trocar de ônibus….

      Qualquer dúvida é só dar um grito aqui!! Grande abraço!!!

      Reply
    1. Robson Franzói

      Oi Angela, tudo bom?? Olha.. vou te dizer que você tem opções ótimas!!! É até difícil escolher mesmo…. a Áustria é um lugar incrível….Eu posso dizer que sou apaixonado por Hallstatt e tenho certeza que você não iria se arrepender de viajar pra lá… Mas essas opção são realmente tentadoras…

      Espero ter te ajudado e não te deixado com mais dúvidas… hahah

      Qualquer coisa é só dar um grito por aqui

      Reply
  13. João Luiz

    Parabéns pelo seu blog, fiquei apaixonado pela cidade de Hallstatt, sou um fã de viajar, como você, fica a dica de conhecer Innsbruck também na Áustria, vale a pena.
    Sua maneira de escrever é fantástica, continue assim!

    Reply
    1. Robson Franzói

      Muito obrigado pelo comentário João, fico muito feliz em saber que gostou do blog e também se apaixonou por Hallstatt…

      Espero que continue acompanhando o blog… Um grande abraço!

      Reply
  14. Sidmar Teixeira

    Olá Robson! Parabéns pelo blog!

    Vou agora em meados de abril para Áustria, dois dias estarei em Salzburgo e um dos dois pretendo ir para Hallstatt fazendo um bate e volta… que horário você sugere sair de Salzburgo? Pretendo conhecer a mina também… outra pergunta: você vai de bus até qual cidade? e depois pega um trem para Hallstatt? É que vi na net que tem opção de ir apenas de trem ou dois trajetos: trem e bus que acaba ficando mais em conta! Desde já obrigado!!

    Reply
  15. Josi

    Olá, você sabe como chego em Five fingers? Li em alguns lugares que ficava ao lado da mina de sal, mas outros lugares não falam nada disso, como no seu post, estou com receio de ser uma distância longa, estava me planejando pra fazer os dois no mesmo dia.
    Desde já, obrigada.

    Reply
    1. Robson Franzói

      Oi Josi, tudo bom? Desculpa a demora para te responder… acabei de chegar de uma viagem de um mês pela Europa e só agora vou conseguir colocar os comentários em dia…

      Puts… vou ficar te devendo essa dica… não conheço Five fingers…. será que tem outro nome também? Se precisar de qualquer outra coisa é só dar um grito aqui!! Grande abraço!!

      Reply
    1. Robson Franzói

      Oi Marcos, tudo certo? Então, acho que uma hora e meia mais ou menos…. é legal contar duas horas no seu roteiro, incluindo o tempo de subir e descer.

      Se precisar de qualquer coisa é só dar um grito aqui!! Grande abraço!!

      Reply
  16. Lara

    Olá, em outubro estarei em Munique, quero saber se há trem ou onibus direto para Hallsatt e quanto tempo leva de ambos os transportes, e se souber os valores também ficsrei agradecida.

    Estarei em Salzburgo e estou louca pra conhecer esse lugar!! Aguardo respostas

    Reply
    1. Robson Franzói

      Oi Lara, tudo bom? Então, saindo de Munique não rola.. teria que ser saindo de Salzburg mesmo. No outro post sobre Hallstatt eu expliquei certinho como chegar lá… Dá uma olhadinha lá

      Se tiver qualquer outra dúvida é só me dar um grito aqui. Grande abraço!!

      Reply
    1. Robson Franzói

      Grande André! Vale muito a pena.. tente programar essa viagem, Hallstatt foi um dos lugares mais lindos que já visite

      Reply
  17. carol

    Olá, muito legal o seu roteiro, estou pensando em visitar Salzburg e Hallstatt ano que vem. É tranquilo comprar as passagens na hora ou é melhor comprar antecipado? Qual o horário que você voltou para Salzburg? Muito obrigada desde já.

    Reply
    1. Robson Franzói

      Oi Carol, tudo bom? Então… depende da época que você vai viajar. Em alta temporada pode ser mais complicado deixar para comprar lá… então eu prefiro comprar com antecedência.

      Eu voltei para Salzburg no final da tarde… acredito que era perto das 17h, 18h…

      Espero ter ajudado… Se tiver qualquer outra dúvida é só me dar um grito aqui. Grande abraço!!

      Reply
  18. Elvio

    olá bom dia. vi este local através de um post de uma página que sigo no face. Inclusive lhe enviei uma solicitação no face também. apaixonei pelo lugar.

    estou me preparando para uma viagem pela Europa e um local que gostaria de conhecer é Visby, em Ghotland, Suécia. Você conhece? é lindo, uma cidade medieval com muralhas e tudo mais. se não conhece recomendo a pesquisa. abraços

    Reply
    1. Robson Franzói

      Oi Elvio, tudo bom? Que bom que chegou aqui no blog!! Fico feliz que teha descoberto Hallstatt… é um lugar realmente apaixonante.

      Eu não conhecia Visby, acabei de ver algumas fotos… uauu!! Parece uma cidade incrível. Vou deixar na minha lista de desejos…

      Você conhece Toledo, na Espanha? É uma cidade medieval também… com muralhas e tal… vale muito a pena conhecer!!

      Mil desculpas pela demora em te reponder, acabei deixando os comentários acumularem por conta das últimas viagens…

      Se precisar de qualquer coisa é só dar um grito aqui!! Grande abraço!!

      Reply
  19. Fernanda

    Olá Robson, tudo bem?

    Foi através desse post que tomei conhecimento sobre Hallstatt e incluí no meu roteiro.
    Não sei se vc sabe mas fiquei com algumas dúvidas: é possível ir de trem direto? Fica mais rápido?
    Outra coisa, vi que perto tem o lago Gosansee, vc chegou a conhecer? Penso se alugar um carro é uma opção mas sou mega medrosa rs
    Enfim, obrigada por ajudar no meu roteirto

    Reply
    1. Robson Franzói

      Oi Fer!!! Tudo bem e você? Que legal que chegou aqui e descobriu Hallstatt…. é um lugar apaixonante!!

      Então, não dá pra chegar lá de trem direto… tem que ser dessa forma que comentei mesmo… ou de carro. Confesso que não vi esse lago, mas se você tiver mais tempo por lá…. tentar visitar sim!!! Depois me conta como foi

      Se tiver qualquer outra dúvida me dá um grito aqui

      Reply
  20. Giorlana

    Caramba que lugar encantador eu ainda não conheço Áustria fui até Praga e não consegui ir lá. Já está na minha listinha de destinos e esse vilarejo tbm. Muuto obrigada por compartilhar suas experiências.

    Reply
  21. Paloma

    Oie! Vou para Salzburg no inicio de dezembro (frio, né rs). Ficarei 3 dias lá. Com o seu post fiquei com vontade de conhecer Hallstatt. Acha que o frio do período pode atrapalhar o passeio? E por fazer um bate e volta em um único dia lembra mais ou menos o horário que pega o ônibus de volta? Obrigada e parabéns pelo site!

    Reply
    1. Robson Franzói

      Oi Paloma!! Tudo bom?? Que delícia de viagem.. pode ter certeza que você vai amar!! Eu já vi fotos de Hallstatt no inverno e é apaixonante

      Sobre o ônibus, eu não tenho aqui a tabela de horários… mas você consegue já planejar isso na ida, com a timetable que você vai encontrar lá… então dá pra se programar certinho

      Se tiver qualquer dúvida me dá um grito aqui!! Super obrigado pela mensagem

      Reply

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *