Um passeio pelo High Line de Nova York

Construído em 2009 numa antiga linha férrea, o High Line é o atual parque ‘queridinho’ de Nova York. Com cerca de 2.5 km de extensão, o parque linear atravessa três bairros da cidade.

Depois de visitar o Greenwich Village e o prédio do Friends, eu segui para o Chelsea Market, no meu terceiro dia em Nova York. Animado como estava e fazendo mil snaps, o viajante aqui passou batido pelo mercado e foi parar do outro lado do Chelsea.

Mas, como diz o ditado: tem males que vem para o bem! E vamos combinar né: se perder em uma viagem pode ser uma ótima oportunidade de descobrir novos lugares… ainda mais em Nova York.

Tudo bem que o High Line já estava nos meus planos, o que eu tive que fazer foi apenas inverter o roteiro.

Depois de ter andado a vida inteira pela Sétima Avenida, e ver várias coisas legais por lá, eu fiz todo o caminho de volta pelo Hign Line  em direção ao Chelsea Market.

Visitando o High Line de Nova York

Em meio aos arranha-céus de Nova York, o conceito do High Line vai muito além de uma simples área de lazer.

High Line, Nova York

Quando eu cheguei lá e subi as escadarias que me levaram ao parque, foi inevitável pensar: porque aqui esse tipo de iniciativa dá tão certo e no Brasil não?

É visível que o parque foi feito para os nova-iorquinos… foi pensado e projetado para o bem estar da população… e o melhor: de uma forma super sustentável.

High Line Park, Nova York

High Line, Nova York

E pensar que tudo aquilo era simplesmente uma linha férrea desativada!!!

Como eu cheguei lá no final do outono – quase no início do inverno – até pensei que não veria o parque com a mesma beleza da primavera ou verão. Mas foi exatamente o contrário! O outono trouxe um charme único ao parque…

High Line, Nova York

High Line Park, Nova York

Pra falar a verdade, estou cada vez mais convencido de que o outono é a minha estação favorita!

Você já viu o post onde eu mostro como o Central Park é apaixonante no outono? Dá uma conferia nesse link

High Line, muito mais que uma área de lazer

Além de ser um área de contraste dentro de Nova York, o High Line é um espaço cultural. Por toda a sua extensão é possível admirar artes de ruas, grafites e interações visuais.

High Line, Nova York

Um dos murais mais famosos que pode ser visto a partir do High Line é do brasileiro Eduardo Kobra – e é, sem dúvidas, uma das áreas mais fotografadas do parque.

O Beijo, de Eduardo Kobra - High Line - Nova York
O Beijo, de Eduardo Kobra – High Line, Nova York

O Beijo – de Eduardo Kobra, em Nova York

Depois de ver e me encantar com o painel, eu fui buscar mais informações sobre o sua história e conceito.

O painel, pintado em junho de 2012, levou 2 semanas para ser concluído. Centenas de norte-americanos e viajantes acompanharam a sua execução a partir do High Line – e foi preciso até uma organização reforçada para não gerar muita aglomeração no local.

O conceito artístico, inspirado na Times Square da década de 40, chamou a atenção desde o início. O beijo, entre um marinheiro e uma enfermeira, que é retratado no mural, saiu de uma capa de revista que marcou o fim da Segunda Guerra Mundial, em 1945.

A idea do Kobra foi sensibilizar e mostrar que, mesmo com toda a loucura, mesmo com o agitado mundo dos negócios, o Amor está no Ar em Nova York.

Outros painéis também podem ser vistos a partir do High Line. Uma boa pedida para uma manhã ou tarde de sol é sentar em um dos banquinhos, descansar, ler um livro ou simplesmente ver o tempo passar em um ritmo diferente de Nova York.

High Line, Nova York

Fazer o passeio pelo High Line, indo do norte para o sul de Manhattan foi uma das melhores coisas que eu fiz. Assim puder curtir o parque e terminar o passeio em cima do Chelsea Marketoutro ponto imperdível da cidade.

Informações sobre o High Line

O parque abre diariamente, das 7h às 23h e a entrada só é permitida até as 22h45!

Como eu falei, o High Line é extenso, então existem alguns pontos de acesso que você pode utilizar:

• Gansevoort Street
• 14th Street – com acesso por elevador.
• 16th Street – com acesso por elevador e acesso ao Chelsea Market
• 18th Street
• 20th Street
• 23rd Street
• 26th Street
• 28th Street
• 30th Street – com acesso por elevador.

Eu acessei o parque pela 30th, que fica na altura do Madison Square Garden.

Para facilitar a sua visualização eu salvei os pontos de acesso nesse link.

Nova York vista do High Line
Nova York vista do High Line

No próximo post eu vou contar pra você como foi minha visita no Chelsea Market – um mercado lindo e delicioso que não pode ficar fora do seu roteiro.

Se tiver dúvidas ou dicas de Nova York, fique a vontade para comentar aqui no post

Roteiro de 7 dias completos em Nova YorkReserve seu hotel em Nova York

About The Author

Robson Franzói é um jovem de Curitiba que tenta inspirar outros viajantes a explorarem diferentes lugares do mundo. Decidiu correr atrás dos seus sonhos e hoje vive desse blog, seu projeto mais especial. Apaixonado por fotografia e vídeos, o garoto vive para compartilhar suas experiências e dicas dos lugares que conhece. Suas fotos já estão ficando conhecidas e seus vídeos inspiram muitos viajantes. Aproveite e acompanhe o Instagram e também o Canal Um Viajante.

Related posts

14 Comentários

  1. Kalinka

    Que legal que curtiu o High Line, um dos meus lugares favoritos em NYC!!!
    Essa área era super decadente uns anos atrás, é incrível ver a mudança positiva que sofreu e como a população tomou conta… Imagino o dia em que o Minhocão de SP vai se transformar em algo do tipo, tem potencial de High Line haha =)
    Parabéns, as fotos estão tão lindas, as cores do outono dão um charme especial!!

    Reply
    1. Robson Franzói

      Oi Ka!!! Tudo bom?? Nossa, eu ameiiii o lugar!! Já fiquei me imaginando morando em um daqueles prédios lindos que tem perto do High Line… já pensou?? Aqueles apartamentos lindos com vista pro High Line?? Aiii.. quem sabe um dia né!?!?

      Muuito obrigado pelo seu comentário… fico muito feliz em saber que as fotos estão fazendo sucesso!! hehhe!! Outonooo, muito amor

      Bjoss e obrigado pela visita!!

      Reply
  2. Gilvanna

    High line é lindo!
    Conceito novo, diferente e que dá certo!
    E o outono com certeza é minha estação favorita. As cores, o clima, as folhas no chão. Tudo!

    Reply
    1. Robson Franzói

      É muito lindo né Gil??? Queria morar lá do lado!! Pra acordar cedinho e passar pelo High Line…. e terminar o passeio no Chelsea Market

      Apaixonado pelo outono!!

      Reply
    1. Robson Franzói

      Opa!! Muito obrigado pelo comentário João!!! Que bom que chegou por aqui… espero que continue acompanhando o blog

      Grande abraço!

      Reply
  3. Tito

    oi robson, tudo bom? já acompanho seu blogo ha algum tempo. e sempre leio as matérias sobre a sua viagem ao chile. que no momento é o meu interesse. esse tirarei férias e tudo indica que viajarei pra la. nao sei se dessa vez vai da pra conhecer o deserto do atacama. embora seja um sonho. ao que tudo indica ficarei na capital e o norte do chile ficaria muito longe. nesse caso o que você me indica, ir pra santigo e de la ir pro norte comprando outra passagem (quanto custaria ida e volta), ou espero, me programo melhor e deixo pra conhecer o deserto numa outra vez?

    Reply
    1. Robson Franzói

      Grande Tito… tudo bom? Acho que não recebi seu e-mail… então… tudo depende de quanto tempo você vai ter disponível. A forma mais barata financeiramente de chegar no norte do Chile é de ônibus… mas é uma viagem de 24 horas. Caso não tenha esse tempo… a forma mais barata é pelos sites chilenos das companhias LAN ou SKY. Não deixe para compra lá em Santiago, é bem mais caro! Já vi gente que conseguiu por 20 dólares o techo pela Sky!

      Mas se não conseguir ir para o norte, aproveite Santiago e estique também até Viña de Mar e Valparaíso.

      Se tiver qualquer outra dúvida me dá um grito aqui

      Reply
      1. Tito

        Ah Robson, então é de boa pra mim ir de ônibus! Vai ser cansativo mas tenho plena certeza de que valerá a pena. Então eu compro a passagem pelo site mesmo. Você não foi de busao pro norte, né? Obrigado pela dica e obrigado por me responder. Espero MUITO que os planos pra minha viagem dêem certo!

        Reply
        1. Robson Franzói

          Grande Tito… nunca fui de ônibus não…. vai lá e depois me conta como foi!!

          Torcendo pela sua viagem!!! Abraço!!!

          Reply
    1. Robson Franzói

      Oi Manu, tudo bom? Que bom que curtiu as fotos! Então, eu tenho uma lente grande angular (10-24) e uma fixa (35mm). São as que eu mais uso Beijooo

      Reply

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *