Localizado no Marco Zero, onde ficavam as torres do World Trade Center, o National September 11 Memorial é um lugar que mexe com o nosso lado emocional. Criado para lembrar e homenagear as vítimas do atentado de 11 de setembro 2001 e também do primeiro atentado, menos conhecido, de 1993. 

Já posso adiantar: É difícil segurar as lágrimas por ali… Eu já visitei lugares tristes e com histórias pesadas, como o Campo de Concentração de Dachau, na Alemanha. Me conheço e sei como um lugar como esse pode mexer comigo.

Memorial 11 de Setembro, em Nova York

O Memorial 11 de Setembro é um complexo que engloba o memorial em si e também um museu.

Eu acho lugares e homenagens como essas importantes e essenciais. O ataque, por mais triste que seja, faz parte da história da humanidade. Não podemos esquecer o que aconteceu ali… e certamente as famílias e amigos dos que se foram também nunca irão se esquecer.

Memorial 11 de Setembro, em Nova York

Memorial 11 de Setembro, em Nova York

As duas enormes piscinas com cascatas, que simbolizam as lágrimas pelos que se foram, estão instaladas nos pontos exatos onde ficavam as torres gêmeas.

As lágrimas caem, se juntam e deslizam para o centro da piscina, onde caem novamente em um espaço vazio.

Memorial 11 de Setembro, em Nova York

Memorial 11 de Setembro, em Nova York

Ao redor das piscinas, gravadas em chapas de aço, estão os nomes de cada uma das vidas que se perderam…

Memorial 11 de Setembro, em Nova York

Analisar a mensagem que essa obra transmite… o significado e representação disso é realmente de apertar o coração.

Para pessoas como eu, que não visitaram Nova York antes dos atentados, é um pouco difícil imaginar como era tudo por ali antes do 11 de setembro.

Memorial 11 de Setembro, em Nova York

Memorial 11 de Setembro, em Nova York

De qualquer forma, o simples fato de andar por ali… de ver a quantidade de nomes gravados… De pensar que cada um deles era de alguém que tinha uma vida pela frente, tinha sonhos, tinha amigos, família… De ver a água caindo e pensar nas lágrimas reais que foram derramadas… é realmente um lugar triste..

 

Sim… é triste.. é tocante… é sufocante. Nos deixa quase sem ar.

E aí você olha para o lado e vê alguém colando uma rosa branca em um dos nomes…

Memorial 11 de Setembro, em Nova York

Seria de um amor perdido? Seria para um pai? Uma mãe? Um filho? Talvez para um amigo…. ou talvez simplesmente para homenagear todos que se foram?

Essa resposta, é claro, vai ficar no vento… Mas o que tenho certeza é que essa rosa branca representa um sentimento muito especial.

O Memorial e o Museu do 11 de setembro

Hoje a visita ao Memorial 11 de Setembro é gratuita. Basta chegar lá e visitar o lugar.

Memorial 11 de Setembro, em Nova York

memorial-11-de-setembro-nova-york-009

Lembrando, se é que é preciso, que esse é um lugar onde muitas vidas se perderam, então manter um respeito por lá é muito importante – pelo menos na minha opinião. Eu só falo isso pois ví pessoas fazendo brincadeiras ou poses que não condiziam com o lugar onde estavam.

Todo o espaço criado ali tem uma beleza especial e sim, merece ser fotografado.

Memorial 11 de Setembro, em Nova York

Agora falando do Museu do Memorial 11 de Setembro, atenção: a entrada é paga!

São 24 dólares para adultos, 18 dólares para maiores de 65 anos e 15 dólares para jovens de 7 a 17 anos. Crianças com menos de 6 anos não pagam entrada. (Valores atualizados em fevereiro de 2016).

Você também pode utilizar o New York Pass para visitar o museu, assim como eu falei no post do Top of the Rock. O passe realmente pode te ajudar a economizar, em breve vou fazer um post falando sobre isso.

Lembrando que você pode comprar tickets para atrações em Nova York e até o seu New York Pass no site da TicketBar, que é parceria do blog.

Eu acabei não entrando no museu, por alguns motivos pessoais. Eu sei que o clima lá dentro pode mexer bastante com o nosso lado emocional, sendo bem mais intenso do que a área externa do memorial.

Memorial 11 de Setembro, em Nova York

Mas de forma alguma eu descarto a visita ao museu – só não rolou pra mim naquele momento. Na minha próxima viagem para Nova York vai ser, certamente, um lugar para visitar.

Como chegar no Memorial e Museu 11 de Setembro?

A maneira mais fácil de chegar no Memorial 11 de Setembro é de metrô. Existem várias estações por perto, mas a que cobre o maior número de linhas é a Fulton St onde você pode pegar as linhas A, C, J, Z, 2, 3, 4 e 5. Outras estações que estão no redor são: World Trade Center, Rector St, Cortland St e Chambers S.

* * * *

Depois de visitar o Memorial é muito comum visitar o restante do setor financeiro de Nova York – incluindo a Wall Street.

Outra opção também é subir pela Broadway em direção ao SoHo – eu fiz isso e adorei!! A caminhada é longa, mas não tem nada melhor do que andar em Nova York. Foi lá que encontrei os melhores preços da cidade, mesmo já estando fora da Black Friday.

E você, já visitou o Memorial do 11 de setembro? Tem alguma dúvida ou quer compartilhar sua experiência em Nova York? Fique a vontade para comentar aqui no post!

About The Author

Robson Franzói é um jovem de Curitiba que tenta inspirar outros viajantes a explorarem diferentes lugares do mundo. Decidiu correr atrás dos seus sonhos e hoje vive desse blog, seu projeto mais especial. Apaixonado por fotografia e vídeos, o garoto vive para compartilhar suas experiências e dicas dos lugares que conhece. Suas fotos já estão ficando conhecidas e seus vídeos inspiram muitos viajantes. Aproveite e acompanhe o Instagram e também o Canal Um Viajante.

Related posts

9 Comments

  1. Belisa

    Eu visitei tanto o Memorial quanto o Museu e posso afirmar: é um lugar que todo mundo precisa conhecer numa visita a NY.
    Você retratou muito bem toda a sensação de estar naquele lugar. Muitas coisas passam por nossa cabeça mesmo.
    O museu é sensacional! A forma como eles contaram a história nos faz sentir parte daquilo. O clima é pesado, mas ao mesmo tempo é bem interessante saber passo a passo, hora a hora como tudo aconteceu.Vale muito a pena conhecer (mas preparem os lenços).

    Ah, só uma informação interessante: tem sempre um dia na semana em que a visita no Museu é de graça (se não me engano, na terça-feira). Só precisa entrar no site com antecedência e agendar

    Reply
    1. Robson Franzói

      Opaa!!! Boas dicas Bê!!!! Obrigado pela visita…. Desculpa a demora para te responder… acabei de chegar de uma viagem de um mês pela Europa e só agora vou conseguir colocar os comentários em dia…

      Beijão!!!

      Reply
  2. Leandro Marques

    Robson,
    Parabéns pelo artigo e pela sensação que você conseguiu passar com ele!!

    Eu já vi gente contando que o local é “apenas bonito”. Mas não pararam para ler um material como esse aqui pra chegar lá e sentir a vibe do lugar…

    Eu nunca fui a NY e por isso procurava motivos para visitar a cidade. Acho que você conseguiu me dar um excelente motivo para ir lá! Isso é história, lembro de ter vivenciado isso enquanto ainda estava na escola…

    Parabéns, Robson!! Muito bom!!

    Reply
    1. Robson Franzói

      Grande Leandro, tudo certo? Pow, muuuito obrigado pelo seu comentário! São comentários assim que me incentivam a continuar sempre fazendo essa trabalho no blog. Fiquei muito feliz, de verdade!

      Nova York é um sonho…. tenho certeza que você vai gostar! O Memorial nos faz lembrar uma triste parte da história… e que não pode ser esquecida. Vale a pena visitar!

      Se precisar de qualquer coisa é só dar um grito aqui!! Grande abraço!!

      Reply
  3. Raquel

    Parabéns Robson por este artigo maravilhoso. Vou visitar o local em Maio e só as imagens já mexeram comigo, imagino o local em si…
    Muito obrigado, e continue, sempre!
    Beijinho de Portugal!

    Reply
    1. Robson Franzói

      Oi Raquel!!! Que delícia receber um comentário de Portugal, que eu amo tanto!!! Estou louco para voltar

      Pode ter certeza que você vai amar… o lugar é super tocante… mexe com nosso coração ♥️

      Se precisar de qualquer coisa é só me dar um grito aqui. Abraçoo!!!!

      Reply
  4. Camila

    Sobre a rosa colocada nos nomes existe sim um porquê! A cada dia eles colocam a flor em cima do nome da pessoa que estaria fazendo aniversário hoje! triste

    Reply
    1. Robson Franzói

      Nossa Cami, não sabia disso

      Obrigado por compartilhar a informação aqui com outros viajantes…. é realmente triste…

      Reply
  5. Luise

    Fui diversas vezes a NY mas em todas elas as torres ainda estavam presentes. Meu maior receio nessa minha última viagem seria encarar de frente essa mudança no skyline de NY. Fiz questão de ir conhecer todo o complexo. 1º optei por subir no one world. O elevador tanto na subida quanto na descida já nos surpreende e a vista lá de cima é de tirar o fôlego. O memorial é de emocionar qualquer um. Aquele vazio que a piscina ocupa, a água jorrando sem fim, os nomes das vítimas escritos ao redor, a paisagem, tudo é muito emocionante. Não há quem não se lembre do que estava fazendo naquele 11 de setembro. O museu é uma caminhada de volta ao passado naquele dia. Resgata imagens e sentimentos da época. O clima é pesado e triste e retrata não só o atentado ao WTC como tb narra os outros sequestros. É difícil ver os destroços dos aviões, documentos de passageiros, roupas de crianças que estavam a bordo. Até hoje é difícil de acreditar como foi possível isso acontecer e é exatamente por esse motivo , por mais triste que seja relembrar esse dia é não deixá-lo esquecido jamais.

    Reply

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *