O que levar para o Atacama: roupas de frio, eletrônicos e como fazer a mala para o deserto mais árido do mundo

Está se preparando para viajar para o Deserto do Atacama e tem dúvidas de como fazer a mala? Veja dicas de quais roupas levar para se proteger do frio e o que é necessário para aproveitar um dos destinos mais incríveis do mundo.

Fazer a mala para viajar para o Deserto do Atacama pode parecer um bicho de sete cabeças, principalmente para quem está se preparando para visitar um destino como esse pela primeira vez.

O que levar para o Atacama: roupas, eletrônicos e como fazer a mala para o deserto

Muitos viajantes tem me enviado perguntas sobre como fazer a mala e o que é necessário levar para o Atacama, então decidi fazer um post “guia” com tudo que você realmente precisa levar na sua bagagem.

Fazendo a mala para o Deserto do Atacama

Pra te ajudar da melhor maneira possível, vou levar em consideração a época da sua viagem já que tem meses em que as temperaturas no deserto são bem mais baixas e você deve se preparar para encarar o frio extremo.

Deserto do Atacama no inverno, Chile

Ainda não sabe quando fazer a viagem?

Veja aqui a melhor época para viajar para o Deserto do Atacama

O que levar na mala para o Deserto do Atacama?

Antes de falar sobre o que você realmente precisa levar na mala, é super importante você saber como funciona o clima no Atacama e como isso vai te ajudar a fazer a melhor mala possível.

Deserto do Atacama, Chile

Bom, independe da época do ano que você vai viajar, as temperaturas no Atacama sempre vão mudar durante o dia. Muitos passeios são em elevadas altitudes e iniciam antes mesmo do sol nascer – o período mais gelado do dia.

Conforme o sol vai subindo, a tendência é esquentar – mesmo no inverno. O que muita gente não leva em consideração é o vento, que pode fazer a sensação térmica ser muito mais gelada.

Por conta dessas mudanças de temperatura, o grande segredo para fazer a mala para o Atacama é se preparar para se vestir em camadas: sim, como uma cebola!

Se vestir em camadas
Exemplo de como se vestir em camadas…

Dessa forma você vai estar bem preparado para encarar o frio nos passeios mais gelados e também pode reduzir as roupas nos horários mais quentes.

Como se preparar para enfrentar as baixas temperaturas do deserto?

Apesar das dúvidas sobre fazer a mala serem bem variadas, a maior parte delas, sem dúvidas, é referente as roupas de frio e o que é necessário levar para se proteger das baixas temperaturas.

Pronto para enfrentar as baixas temperaturas do Atacama

Bom, o período mais frio no Atacama vai de meados de maio até o fim de agosto, o que não quer dizer que quem for em outros meses não vai encarar temperaturas baixas – inclusive as negativas.

Como eu comentei, os passeios em altas altitudes costumam ser bem gelados – ainda mais quando se iniciam antes do sol nascer ou se estendem até o pôr do sol. Considerando ainda que é muito comum ventar nesses pontos mais altos, especialmente durante o mês de setembro, que é o período de fortes ventos, a sua mala sempre tem que ter roupas quentinhas e algumas peças chaves que podem ser o grande pulo do gato.

O que levar para se proteger do frio no Atacama?

O primeiro item que eu considero indispensável para encarar o frio é a segunda pele (ou primeira pele, como alguns chamam). Essa é a primeira camada de roupa que você vai vestir – indispensável nos passeios mais frios.

Segunda Pele, Fleece e Blusa de Moletom
Segunda Pele, Fleece e Blusa de Moletom

A segunda pele vai manter seu corpo aquecido e até dispensar que você use um grande volume de roupas para se proteger do frio – esse é um dos segredos para estar bem aquecido sem parecer um urso panda desengonçado.

Por cima da segunda pele você vai colocar sua roupa mais casual: pode ser uma calça Jeans, uma camiseta de manga curta ou algo parecido. Lembrando que a calça jeans permite que o vento passe, então o ideal mesmo seria uma calça corta vento.

Para um passeio gelado, como os Geysers ou a subida a um Vulcão, você deve considerar vestir a segunda pele, a calça casual e por cima a calça corta vento – ela realmente vai fazer uma boa diferença.

Voltando a parte de cima, depois da camiseta, você pode vestir um moletom, uma blusa de lã ou um fleeceque seria uma blusa mais fina, porém quentinha.

Fleece e Jaquelas de Pluma
Fleece e Jaquelas de Pluma

Por cima dessa camada você pode vestir uma jaqueta de plumas, daquelas bem gordinhas que esquentam bastante. Alguns modelos já vão te proteger do vento, mas você pode até levar uma jaqueta corta vento para colocar por cima dessa de plumas.

Jaqueta Corta Vento
Jaqueta Corta Vento

Vale ressaltar que as jaquetas corta vento normalmente não esquentam, por isso é importante se proteger do frio com as peças que vão por baixo dela

Meias grossas são super recomendadas para proteger seu pé das baixas temperaturas. Muitas vezes vale a pena passar em uma loja especializada, como a Decathon, e comprar uma meia especial para as baixas temperaturas – compre só uns dois pares que já é suficiente. Como elas são mais caras e você não vai precisar usar todo dia, leve dois pares e repita durante a viagem nos passeios mais gelados.

Meia, Touca e Cachecol
Meia, Touca e Cachecol

Caso você não queria gastar com meias especias, considere calçar uns três pares para se proteger nesses dias de temperaturas baixas – manter os pés aquecidos é uma das melhores formas de não sofrer com o frio.

Touca, luvas e cachecóis vão completar o seu look para os dias frios no Deserto do Atacama.

Dicas: acerte o look para sair bem nas fotos!

Todo mundo que faz essa viagem quer ter fotos lindas de recordação. Acertar no figurino pode fazer uma boa diferença nos seus registros.

Minhas dica principal é apostar em roupas coloridas e deixar o pretinho básico de lado. Jaquetas com cores vibrantes ou mesmo estampadas são ótimas pedidas.

Atacama: dicas de roupas para homens

Lenços e cachecóis, além de proteger do frio, vão compôr super bem o seu look – tanto para homens quanto para mulheres. Inclusive na feirinha e lojas de San Pedro você vai encontrar opções bem legais:

Veja aqui o que comprar no Atacama

Outro item que pode dar um tchan nas suas fotos e te proteger bastante do frio são os ponchos. Além de ser uma roupa típica da região, os ponchos combinam totalmente com o clima do deserto.

Expedição Fotográfica Deserto do Atacama + Salar de Uyuni

Por lá você vai encontrar desde versões mais baratas, que mesclam materiais sintéticos, até opções mais caras, feitas de lã de alpacatudo vai depender do seu budget de investimento.

Roupas de verão, mesmo durante o inverno

Eu quis dar um destaque inicial para as roupas de frio pois elas podem realmente interferir no quanto você vai aproveitar a viagem. Mas sua mala também precisa de roupas frescas, já que pode fazer bastante calor durante a tarde – especialmente no povoado de San Pedro de Atacama e nos passeios mais próximos.

Atacama: dicas de roupas para mulheres

É importante ressaltar que a temperatura sobe durante o dia mesmo nos meses mais frios, então você precisa sim de algumas opções de roupas frescas:

Bermudas, camisetas, regatas, saias e vestidos: todas são boas opções para você levar na sua mala.

Roupas de banho para ir ao deserto!?

Sim!! Muita gente pode achar que no deserto só tem areia, mas no Atacama você terá boas opções de banho, como as Termas de Puritama, as Lagunas Escondidas e a Laguna Cejar.

O que levar para o Atacama: roupas, eletrônicos e como fazer a mala para o deserto

Dica: continue apostando em opções coloridas e estampadas para fazer um contraste legal nas suas fotos.

Quais calçados levar para o Atacama?

Depois das roupas de frio, o segundo tema que mais recebo perguntas é sobre os calçados e se é necessário botas especiais para viajar para o Atacama. Bom, vamos por partes…

Primeiro, tudo vai depender dos passeios que você vai fazer, mas já adianto que para a maior parte deles não é preciso um calçado super especial.

O que levar para o Atacama: roupas, eletrônicos e como fazer a mala para o deserto

Um tênis mais fechado ou bota simples já estaria ótimo para a maior parte dos dias no Atacama. Caso você decida fazer trekkings, opte por algo que você já está acostumando a usar em caminhadas, de preferência leve e com cano alto – para proteger o seu pé de possíveis torções.

Para os passeios mais extremos, como os vulcões, é interessante usar uma bota especial sim – mas, dependendo da agência que você escolher, esse calçado vai estar a sua disposição. Aí você também não precisa gastar com isso, caso não seja seu objetivo a longo prazo.

O que levar para o Atacama: roupas, eletrônicos e como fazer a mala para o deserto

Evite levar botas muito pesadas – elas só vão te cansar e pouco ajudar.

Acessórios para levar ao Atacama

Antes que você ache que esses itens são opcionais, eu quero reforçar que alguns são bem importantes, como óculos de sol, bonés e/ou chapéus.

O que levar para o Atacama: óculos, chapéu, boné

O sol no Atacama é muito forte, então ter essa proteção é indispensável.

Dica: óculos com lentes espelhadas e coloridas são ótimas pedidas para sair super bem nas fotos.

Malas rígidas ou Mochilão

Para ir ao Deserto do Atacama você pode levar suas coisas tanto malas rígidas ou mesmo mochilão. Não precisa se preocupar com isso! Suas coisas vão permanecer no hotel na maior parte do tempo. Dificilmente você vai precisar carregar sua mala pela ruas de terra do povoado, então não precisa esquentar a cabeça – escolha a melhor opção para você!

Mochila de Ataque

O que não pode faltar na sua viagem para o deserto é a sua mochila de ataque, onde você vai levar seus itens pessoais durante o dia – câmera, documentos, dinheiro, etc.

O que levar para o Atacama: mochila de ataque

Garrafa de Água

Se hidratar no Atacama é algo muito importante! Você deve andar sempre com uma garrafinha d’água pois o tempo seco não é brincadeira.

Tenha sua garrafinha pessoal para ir carregando, assim evita o consumo desnecessário de garrafinhas de plástico – o meio ambiente agradece!

Outros itens importantes para levar ao Atacama

Eu sei que cada pessoa tem suas particularidades e vai levar algo que específico. De qualquer forma eu preciso destacar alguns itens que não devem ficar de fora da sua mala:

O que levar para o Atacama: protetor solar, hidratante, colírio e protetor labial

Protetor Solar: preferencialmente com nível de proteção maior do que você costuma usar. O sol no deserto é muito forte e não dá pra dar bobeira. Caso você esqueça, é possível encontrar boas opções nas farmácias de San Pedro.

Cremes/Hidratante: como você deve saber, estamos falando de um dos lugares mais secos do mundo. Se prepare para ver sua pele reagir com isso, então ter um bom creme hidratante é fundamental.

Colírio: assim como a pele, os olhos também sofrem. Ter um colírio na mala pode te ajudar muito.

Protetor/Hidratante Labial: eu sei que muitas pessoas acabam optando por manteiga de cacau ou, no caso das mulheres, o próprio batom. Eu recomendo comprar o “Blistex”! De longe é a melhor opção para lidar com clima do Atacama. Você encontra nas farmácias de San Pedro e custa, aproximadamente, 2.800 pesos chilenos.

Levar também: remédios e itens básicos

Sei que é algo bem delicado de comentar, já que não devemos nos auto medicar. Mas se você tem remédio que já toma em determinadas situações, leve com você!

Produtos de Higiene Pessoal: dependendo do hotel que você vai ficar, alguns itens são necessários – principalmente se optar por hospedagem mais econômica, como hostels. Shampoo, sabonete e essas coisas também são fáceis de comprar caso você esqueça.

Eletrônicos: o que levar para o Atacama

Falando agora para quem quer aproveitar a viagem e fazer belos registros, aqui vão algumas dicas de equipamentos eletrônicos:

O que levar para o Atacama: eletrônicos

Bom, câmera e celular são itens que nem preciso colocar na lista, né!? Você pode esquecer o filho em casa, mas não esquece esses dois.

  Câmera à prova d’água: hoje já têm alguns celulares que cumprem a função, mas também tem a GoPRO com ela você consegue fazer bons registros nessa viagem, já que o modelo manda bem em paisagens.

  Powerbank: como lá você vai ficar muito tempo fora do hotel e dificilmente a bateria do seu celular vai dar conta, levar uma bateria externa é uma ótima pedida.

  Drone: o lindo visual do Atacama rende ótimos takes de drone. Infelizmente você não consegue voar na maior parte dos atrativos, principalmente nos que que tem aves por perto. Para evitar problemas, fique bem atento as sinalizações e recomendações do seu guia.

  Adaptador de Tomadas: eu confesso que não levo pois nunca tive problemas por lá. Caso você queira garantir, pode ser uma opção pessoal.

Tudo sobre o Deserto do Atacama

Se você ainda está planejando sua viagem para o Deserto do Atacama, aproveita que aqui no blog está cheio de conteúdos legais que podem te ajudar:

 Veja qual agência eu recomendo no Atacama
 Veja os meus passeios favoritos no deserto
 Veja qual a melhor época para visitar o Atacama

Hotéis em San Pedro de Atacama

Se você ainda está procurando hotel em San Pedro de Atacama, dá uma olhada nesse post que eu já publiquei:

Opções de hotéis em San Pedro de Atacama

Piscina do Cumbres, Atacama

Aproveito para pedir para você, sempre que puder, fazer suas reservas de hotéis nos links do Booking que tem aqui no blog. Fazendo isso você vai contribuir com o blog e não vai gastar nada a mais com isso – de coração, vai me ajudar muito!

Veja aqui as opções de hospedagem no Booking.com

Seguro viagem América do Sul

O seguro viagem é super importante para um destino como o Atacama. Aqui no blog você tem descontos especiais para contratar o seu seguro viagem internacional, confere aqui:

Seguro viagem internacional com desconto!

E é isso, viajeros! Acredito que com essa lista do que levar você não vai passar apuros no Atacama. Se tiver dúvidas ou achar que esqueci de falar sobre alguma coisa, comenta aqui no post. Valeuuu!!!

Mondial Assistence - Seguro Viagem

About The Author

Robson Franzói é um jovem de Curitiba que tenta inspirar outros viajantes a explorarem diferentes lugares do mundo. Decidiu correr atrás dos seus sonhos e hoje vive desse blog, seu projeto mais especial. Apaixonado por fotografia e vídeos, o garoto vive para compartilhar suas experiências e dicas dos lugares que conhece. Suas fotos já estão ficando conhecidas e seus vídeos inspiram muitos viajantes. Aproveite e acompanhe o Instagram e também o Canal Um Viajante.

Related posts

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *