Roteiro de 2 dias em Foz do Iguaçu: o que fazer em pouco tempo

Planejando um roteiro de 2 dias em Foz do Iguaçu? Para quem tem pouco tempo e quer aproveitar ao máximo a terra das Cataratas do Iguaçu, no Paraná, uma boa organização é essencial. Veja aqui quais passeios fazer, onde comer, dicas, ingressos e tudo mais para ajudar na sua viagem.

Organizar um roteiro de viagem para Foz do Iguaçu é sempre importante para quem quer aproveitar bem o destino. Quando falamos em uma viagem de apenas 2 dias, esse planejamento é ainda mais importante – ainda mais se você analisar as inúmeras possibilidades e atrações disponíveis na região.

Apesar de não ser o tempo que eu considero ideal para aproveitar o destino, caso você não tenha como incluir mais dias de viagem, esse post vai ajudar ao máximo a organização do seu roteiro de 2 dias em Foz do Iguaçu.

Roteiro de 2 dias em Foz do Iguaçu: um final de semana

Por morar no Paraná e, de certa forma, próximo de Foz do Iguaçu, já tive a oportunidade de visitar o destino algumas vezes. Decidi então aproveitar todo o conteúdo dessas viagens para organizar um Guia Especial de Foz do Iguaçu. Se essa for a sua primeira vez por aqui, vou deixar como sugestão para navegar depois:

Foz do Iguaçu: Guia Especial de Viagem

Dentro do guia você vai encontrar posts com várias atrações e lugares para conhecer em Foz do Iguaçu de forma detalhada. Os posts são um ótimo complemento a esse roteiro que vou sugerir aqui – lembrando que você tem toda liberdade para ajustar e formatar o roteiro com base nos seus interesses, e isso é o mais importante.

Roteiro Foz do Iguaçu: o que fazer em 2 dias de viagem

Conhecer Foz do Iguaçu em 2 dias, como comentei, vai exigir um pouco mais de esforço da sua parte e organização para otimizar ao máximo o seu tempo. Se você estiver vindo de longe, esse planejamento do que fazer é essencial para que ao menos os principais atrativos se encaixem na sua programação.

Ingressos Foz do Iguaçu: quais atrações comprar antes da viagem

Quem vive nas cidades próximas a Foz do Iguaçu ou da região oeste do Paraná, e acredita que voltar para outra viagem não seja muito difícil, aí o roteiro pode ser pensado de outra forma.

Eu sempre gosto de reforçar que, independentemente do destino, você não precisa correr e querer fazer tudo em uma única viagem. Ainda mais quando falamos de um lugar que podemos voltar com certa facilidade – é muito melhor deixar algumas atrações para uma outra oportunidade do que tentar fazer tudo e não aproveitar para valer.

Para esse roteiro, a minha sugestão será para quem tem 2 dias completos em Foz do Iguaçu. Vamos pegar sábado e domingo como referência, e considerar que você chegou ao destino na noite de sexta-feira e vai embora no domingo à noite (duas noites no destino) ou mesmo na segunda-feira de manhã (três noites no destino).

Como sei que acontece, e pode ser o seu caso, de ainda ter uma parte do último dia no destino, que seria um roteiro de 2 dias e meio em Foz do Iguaçu, vou passar algumas opções extras para você complementar e ajustar a sua programação.

Roteiro 2 dias em Foz do Iguaçu: dia a dia da programação

Além da sugestão do roteiro de 2 dias em Foz do Iguaçu, para ajudar ainda mais a sua organização e planejamento, vou comentar também os ingressos, locomoção, hospedagem e, para finalizar, preparei um mapa com os pontos desse roteiro. Utilize o menu abaixo para navegar pelo conteúdo e ir diretamente ao ponto de interesse:

Dia 1: Cataratas + Macuco + Parque das Aves

Para um roteiro em Foz do Iguaçu, minha sugestão é sempre programar as Cataratas do Iguaçu para o primeiro dia da viagem. Nesse caso, por ter pouco tempo, tome o café da manhã bem cedo no hotel e programe-se para chegar ao Parque Nacional do Iguaçu no primeiro horário.

Cataratas do Iguaçu, Foz do Iguaçu

Sugerir as Cataratas do Iguaçu no primeiro dia do roteiro não é simplesmente por esse ser o principal atrativo de Foz, mas para que você tenha flexibilidade de ajustar o roteiro de acordo com a melhor previsão climática.

Caso o primeiro dia sua viagem tenha previsão de chuva e o segundo dia com sol, inverta a ordem do roteiro e visite as Cataratas do Iguaçu no dia com sol. Claro que isso não é algo que possa ser 100% garantido, mas, por esse dia ser melhor aproveitado com sol, deixo aqui essa sugestão e vou torcer pra dar certo pra você.

Ao chegar no Parque Nacional do Iguaçu, onde ficam as Cataratas, você vai seguir no passeio de ônibus panorâmico do próprio parque e, na sequência, fazer a trilha pelas passarelaschegando até a famosa Garganta do Diabo.

Cataratas do Iguaçu, Foz do Iguaçu

Apesar de muitas pessoas considerarem colocar o Parque das Aves como a primeira atração para esse dia, recomendo que você comece o dia pelo Parque Nacional do Iguaçuassim vai ter a chance de encontrar as passarelas sem muita gente.

Aqui no blog já fiz um post especial detalhando como é visita às Cataratas do Iguaçu e passando todas as dicas para você aproveitar seu dia:

Veja aqui o post especial sobre as Cataratas do Iguaçu

Dentro do Parque Nacional você conta com lanchonetes e, também, um restaurante mais completo, o Porto Canoas. Na viagem mais recente fui na opção mais simples e gastei com um combo de hambúrguer + batata + refrigerante cerca de R$ 35 – achei o preço superjusto. Já na lanchonete próxima ao elevador panorâmico, uma água + um sorvete saiu por quase R$ 40 – bem salgado.

Depois de fazer a Trilha das Cataratas, curtir as passarelas e, se bater forme, fazer uma pausa para um lanche, chegou a hora de ir para o Macuco Safariatração que eu considero imperdível em Foz do Iguaçu. Como o seu dia está um pouco mais corrido e você ainda tem o Parque das Aves no final, não dá para perder muito tempo.

O Macuco Safari vai proporcionar uma experiência incrível: você vai embarcar em um bote que vai seguir pelas águas do Rio Iguaçu até chegar bem perto das quedas d’água. É uma aventura emocionante e que vai permitir que você sinta a força das Cataratas de uma forma única. Juro, é uma experiência incrível e inesquecível.

Macuco Safari: vale a pena fazer o passeio? É seguro?

Depois da aventura no Macuco Safari você, certamente, estará encharcado. Apesar de ter capas de chuva para comprar nos atrativos, eu não recomendo. Todas as pessoas que usaram capa saíram tão molhadas quanto as que foram sem proteção.

IMPORTANTE: já considere que você irá se molhar muito nesse dia e leve uma muda de roupa para trocar. Como você vai seguir agora para o Parque das Aves, uma roupa sequinha é a dica coringa para continuar aproveitando o dia.

Enfim chegamos ao ponto final do seu primeiro dia de viagem: o Parque das Aves. O atrativo fica a menos de 500 metros de distância da entrada do Parque Nacional do Iguaçupor isso é uma boa pedida organizar os dois para o mesmo dia.

Parque das Aves, em Foz do Iguaçu: vale a pena visitar?

O Parque das Aves é um passeio delicioso e eu indico muito para a sua programação. Conhecer e ver de perto o trabalho que eles fazem lá é emocionante. Sempre recomendo para todos que vão visitar Foz do Iguaçu pela primeira vez.

Você vai gastar, em média, 1h30 para visitar o Parque das Aves com bastante calma. Aqui no blog já fiz um post detalhando a visita e tudo o que você vai ver nesse passeio.

Parque das Aves: vale a pena visita? Como é o passeio?

Apesar de muitas pessoas indicarem o Parque das Aves para o início do dia, eu acredito que deixá-lo para o final da sua programação é a melhor pedida. Além do Parque ficar mais cheio na parte da manhã, se você iniciar o roteiro por ele vai acabar perdendo a oportunidade de ser um dos primeiros a chegar nas Cataratas.

Outro ponto positivo de terminar o dia no Parque das Aves é que, por já ter feito toda a programação do dia, você pode aproveitar o passeio com muito mais tranquilidade e sem a ansiedade de ir ver as Cataratas do Iguaçu.

Eu já fiz esse passeio no final do dia e achei o melhor horárioaté as aves pareciam mais tranquilas e fora dos ninhos nesse período. Vale destacar que o parque tem um horário limite para a entrada, mas você ainda pode ficar lá dentro por mais tempo.


Dia 2: Itaipu + Refúgio + CityTour + Marco das Três Fronteiras

Para o segundo dia do roteiro vamos iniciar a programação com outro atrativo imperdível em Foz do Iguaçu: a Usina Hidrelétrica de Itaipu Binacional. Talvez não seja algo que você tenha considerado visitar de início, mas eu recomendo a todos os viajantes.

Centro de Recepção de Visitantes - Itaipu

Visitar a Usina de Itaipu é uma oportunidade incrível e que merece fazer parte do seu roteiro. Para conhecer essa que é uma das maiores obras já construídas pelo homem, você tem diferentes formatos de passeios. Os dois principais são: o Passeio Panorâmico e o Circuito Especial.

Por conta da pandemia, o Circuito Especial estava temporariamente interrompido. Esse seria o mais completo, onde você, além de ver a usina por fora, também tem a vantagem de visitar o interior – passando pela sala de controle até chegar perto de uma das turbinas.

Se você tiver a chance de fazer o Circuito Especial, ele é a melhor opção. Caso ainda esteja inativo, pode fazer o Passeio Panorâmico que vale super a pena.

Veja aqui como é a Visita Panorâmica na Itaipu

Como você não tem tempo a perder, assim como no primeiro dia, inicie bem cedo a sua programação. Tome o café da manhã no hotel e vá para a Itaipu no primeiro horário.

Passeio Panorâmica Itaipu - Foz do Iguaçu

No território de Itaipu recomendo que você faça dois passeios: a Visita Panorâmica e, também, o Refúgio Biológico. Chegando bem cedo, acredito que você conseguirá fazer os dois e ainda voltar a tempo do CityTour na parte da tarde.

A Visita Panorâmica é um passeio que leva aos principais mirantes da Usina de Itaipu. Você terá a oportunidade de ver de perto a barragem da usina, os gigantescos condutos forçados e, também, o incrível lago formado pelo Rio Paraná. Se tiver sorte, pode ser que veja o vertedouro da Itaipu com alguma das comportas abertas – mas isso é raríssimo.

Passeio Panorâmico Itaipu - Foz do Iguaçu

Já o Refúgio Biológico é um passeio guiado para um número limitado de pessoas. O espaço foi criado para abrigar e preservar espécies de animas que ficaram desabrigados com a construção da barragem.

Hoje o Refúgio abriga espécies que não podem voltar ao seu habitat natural e, também, cuida de animais resgatados em diversas situações. É um passeio muito educativo e responsável. Para quem vai viajar com crianças, em especial, é uma atração que não pode faltar na programação.

A sequência dos passeios na Itaipu, nesse caso, não importa muito – já que tanto a Visita Panorâmica quanto o Refúgio Biológico têm início no Centro de Visitantes da Itaipu. Vale apenas se atentar que o Refúgio tem um número limitado de vagas, por isso é importante programar a visita com antecedência.

Como é o passeio ao Refúgio Biológico na Itaipu

Caso você consiga terminar os dois passeios cedo e ainda tenha tempo antes do CityTour, outro atrativo legal para visitar na Itaipu é o Ecomuseu. Como a visita ao museu não é demorada, pode ser que você consiga conhecê-lo.

Veja aqui o post sobre o Ecomuseu na Itaipu

Para o período da tarde desse dia, sua programação será bem intensa. O City Tour Iguassu vai te levar para um passeio superlegal e riquíssimo em informação. Especialmente para quem tem apenas 2 dias em Foz do Iguaçu, esse é um passeio essencial para ter um panorama geral da cidade e, claro, conhecer a história e curiosidades do destino.

Como é o City Tour em Foz do Iguaçu

O ponto de encontro para o início do passeio é na Avenida Brasil, exatamente em frente ao Hotel Bogarique foi a minha opção de hospedagem na viagem. Como o horário pode mudar até a data da sua viagem, sugiro que você sempre confirme essa informação atualizada. 

O passeio de ônibus em Foz do Iguaçu vai mostrar lugares como a Nova Catedral de Foz, além de passar por ruas importantes, praças e monumentos históricos. Um dos pontos altos do passeio é a Mesquita Islâmica Omar Ibn Al-Khatab.

Mesquita Omar Ibn al Khatab - Mesquita de Foz do Iguaçu

Confesso que a parada na Mesquita de Foz é uma das minhas favoritas, especialmente pela melhor loja de doces árabes que você vai encontrar na cidade: Albayan. Eu sugiro que, assim que você descer do ônibus, a sua prioridade seja a loja de doces – enquanto a maior parte dos viajantes vai para a Mesquita. Assim você faz o inverso…

City Tour em Foz do Iguaçu: vale a pena fazer o passeio de ônibus?

Eu sou apaixonado por doces árabes e recomendo muito que você aproveite para conhecer. Não deixe de provar um doce que lembra um bolo quadradinho coberto com coco – ele é bem molhadinho, uma delícia!! Se você nunca provou um doce árabe, essa é hora! 

Na Albayan você também pode provar o café árabe, mas não espere um café parecido com o que estamos acostumados – o café árabe é bem aromático e temperado. Vale a pena experimentar!

O CityTour também tem uma parada no Templo Budista, que é outro atrativo superimportante em Foz do Iguaçu. Quando fiz o tour pela última vez, na viagem mais recente para Foz, o Templo Budista estava fechado por conta da pandemia. Caso ele esteja aberto na data da sua viagem, será mais uma parada desse passeio.

Templo Budista de Foz do Iguaçu

Para terminar o dia com chave de ouro, o CityTour termina a viagem no Marco da Três Fronteirasque é um dos meus lugares favoritos em Foz do Iguaçu.

A melhor parte é que você estará lá no final da tarde e terá a chance de curtir um lindo pôr do sol para fechar o seu dia. Nesse horário, ainda mais imperdível, é o show que homenageia os três países da tríplice fronteira: Brasil, Paraguai e Argentina.

O espetáculo no Marco das Três Fronteiras é imperdível e merece fazer parte da sua programação. Você vai se emocionar e vibrar com a qualidade do show.

E assim você fecha o seu roteiro de 2 dias em Foz do Iguaçu com os principais atrativos da região. Acredito que, com base nessa sugestão de roteiro, você vai curtir muito o destino e, assim como eu, também se apaixonar por Foz. Não tem quem vá para lá e não sonhe em voltar mais vezes – eu já fui algumas vezes e recomendo!


Dia extra: compras no Paraguai/Dreamland

Caso tenha algum tempo extra no seu terceiro dia de viagem, Foz conta com várias atrações que você pode incluir para aproveitar o restinho da viagem. A escolha do que fazer nesse tempo extra vai depender muito dos seus interesses e, claro, de quantas horas tem disponíveis.

Eu deixaria como sugestão um pulinho em Ciudad del Este, já que as compras no Paraguai, mesmo com o dólar alto, ainda estão valendo muito a pena. Uma vez que você estará tão perto, pode ser uma ótima pedida aproveitar esse tempinho para fazer algumas compras.

Vale apenas reforçar que fazer compras no Paraguai não é algo tão rápido. Se esse for o seu interesse, organize exatamente o que você quer comprar e, ao chegar lá, vá direito comprar o que precisa. Aqui no blog já fiz alguns posts com dicas para suas compras na fronteira.

Veja aqui um roteiro de compras no Paraguai

Qual a cota e limite que você pode comprar no Paraguai

O que eu comprei na viagem ao Paraguai

Como ir de Foz do Iguaçu para o Paraguai


Para quem vai viajar com criança

Caso compras no Paraguai não seja o seu interesse nessa viagem, uma boa pedida para quem vai viajar com crianças é o complexo Dreamland. Lá você tem Museu de Cera e até um Parque dos Dinossaurosvale a pena incluir na programação se o tempo não for muito curto.

Dreams Park Show Ingresso
Dreamland | Fotos: Divulgação

Quer ver outras sugestões de passeios para fazer em Foz do Iguaçu? Preparei uma super lista com o meu TOP 10 de passeios imperdíveis em Foz, vale a pena conferir:

O que fazer em Foz do Iguaçu: TOP 10 passeios imperdíveis!


Ingressos e valores dos atrativos

Para você ter uma base de quanto vai gastar em 2 dias em Foz do Iguaçu, separei o valor dos ingressos de cada atrativo que sugeri nesse roteiro:

AtrativoPreço
Entrada Parque Nacional do IguaçuR$ 45
Macuco SafariR$ 289
Parque das AvesR$ 59
Combo Itaipu: Panorâmico + RefúgioR$ 69
City Tour IguassuR$ 99
Entrada Marco das Três FronteirasR$ 33
Valor total dos ingressos por pessoa:R$ 594

Lembrando que esse é um valor bruto por adulto, sem descontos ou meia-entrada. Como você pode ver, o Macuco Safari é o passeio mais pesado no valor do ingresso. Eu acho o valor justo pela experiência, mas sei que pode pesar no seu orçamento.

Veja aqui um post completo sobre quanto custa viajar para Foz do Iguaçu.

Para ajudar a parte financeira da sua viagem, minha sugestão é que você feche todos os ingressos em um único lugar. A Loumar Turismo, que foi a agência que fechei minha viagem completa, oferece ingressos pelos mesmos valores das bilheterias ou até, muitas vezes, mais baratos.

Ingressos Foz do Iguaçu: quais atrações comprar antes da viagem

A vantagem de comprar os ingressos com eles é que, além da organização, você tem um desconto especial para leitores do blog e, de quebra, ainda pode parcelar seu combo em até 12x sem juros. Para não pesar no orçamento e não deixar nenhum atrativo de fora, aproveite essa dica!

Vou deixar aqui um formulário para você enviar uma mensagem direto para a agência e receber todos os detalhes por e-mail. Listei alguns atrativos no formulário que você pode selecionar para facilitar a sua comunicação. Pode ter certeza de que será uma ótima experiência.


Onde comer em Foz do Iguaçu

Com base nesse roteiro de 2 dias em Foz do Iguaçu, é provável que você tenha, ao menos, duas noites para jantar na cidade. Como o seu roteiro durante o dia é mais corrido, você vai ter que fazer alguns lanches entre os passeios ou nos próprios atrativos.

Para aproveitar a noite e conhecer lugares especiais, vou deixar aqui a sugestão de dois restaurantes que amei conhecer em Foz do Iguaçu: o Pátio Pomare e o Empório com Arte.

O Empório com Arte é um restaurante que fica em uma casinha de madeira super-rústica e cheia de charme. A comida é uma delícia e todos os itens da decoração estão à venda – uma grande oportunidade de comprar uma lembrança especial para levar para casa.

Já o Pátio Pomare é um cantinho lindo que merece entrar na sua programação. No espaço você encontra uma pizzaria, uma risoteria e, também, um café. A pizza deles é estilo napolitana e é uma delícia, recomendo!

onde jantar em Foz do Iguaçu

Mapa Foz do Iguaçu: Roteiro de 2 dias completos

Para ajudar na visualização dos principais pontos desse roteiro, preparei um mapa de Foz do Iguaçu com todos os lugares que mencionei no post. Confere aqui:


Hospedagem em Foz do Iguaçu

Ainda não definiu sua hospedagem em Foz do Iguaçu? Eu já me hospedei no Hotel Bogari e recomendo muito – além da ótima localização, supercentral, foi o hotel com o melhor custo-benefício que encontrei na cidade.

Caso queira ver outras opções de hotéis em Foz do Iguaçu, preparei um post especial com os melhores lugares para se hospedar e as melhores regiões para ficar na cidade.

Veja aqui onde se hospedar em Foz do Iguaçu

Reserve o Hotel Bogari no Booking.com

Pesquise e reserve seu Hotel em Foz no Booking.com


Vídeo Foz do Iguaçu: para inspirar sua viagem

Quer ter um gostinho de como viajar para Foz do Iguaçu é especial? Veja aqui o vídeo que produzi nessa viagem e que tem imagens para você já ir sonhando com o dia de estar lá.


Se curtiu o vídeo, aproveite para se inscrever no canal e também me acompanhar no @blogumviajante – estou sempre compartilhando dicas e viagens ao redor do mundo. Me manda um oi lá

Tudo sobre Foz do Iguaçu

Quer pegar mais dicas para sua viagem? Como comentei, aqui no blog você conta com um Guia Especial sobre Foz do Iguaçu. Vale a pena dar uma olhada e pegar diversas dicas para sua viagem:

Veja aqui o Guia Especial Foz do Iguaçu 

Se tiver qualquer dúvida ou precisar de alguma informação sobre Foz do Iguaçu ou uma sugestão de roteiro, fique à vontade para deixar um comentário nesse post! Valeuuu!

PARA SUA VIAGEM A FOZ DO IGUAÇU
Cadastre o seu e-mail e receba dicas personalizadas até a data da sua viagem.
RESERVE SEU HOTEL EM FOZ DO IGUAÇU
Booking.com
Sempre que fizer sua reserva, você contribui com o blog Um Viajante e não gasta nada a mais com isso.

Sobre o autor

Robson Franzói é um jovem de Curitiba que tenta inspirar outros viajantes a explorarem diferentes lugares do mundo. Decidiu correr atrás dos seus sonhos e hoje vive desse blog, seu projeto mais especial. Apaixonado por fotografia e vídeos, o garoto vive para compartilhar suas experiências e dicas dos lugares que conhece. Suas fotos já estão ficando conhecidas e seus vídeos inspiram muitos viajantes. Aproveite e acompanhe o Instagram e também o Canal Um Viajante.

Posts relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *